Governo reforça em quase 30% o efetivo da Polícia Civil com a formação de 792 novos servidores

12 de janeiro de 2016

Aprovados em concurso participaram da aula inaugural do Curso de Formação da Polícia Civil. Após os cinco meses de aulas, eles serão efetivados pelo governador Camilo Santana

O governador Camilo Santana e a vice-governadora Izolda Cela deram início, na manhã desta nesta terça-feira (12), à aula inaugural do Curso de Formação Profissional da Polícia Civil do Estado do Ceará, no Centro de Eventos do Ceará, em Raula3Fortaleza. Os 792 novos servidores representarão reforço de quase 30% em relação ao efetivo atual da corporação, de cerca de 2.700 profissionais na ativa.

No evento, lotado pelos aprovados e seus familiares, Izolda Cela, também coordenadora executiva do “Pacto Por Um Ceará Pacífico”, foi a responsável por ministrar a palestra sobre as medidas e resultados já apresentados pelo Estado, além de detalhar as ações do programa.

“A Polícia Civil tem um papel fundamental em toda a estrutura da segurança pública do Estado, pois é ela quem trabalha na investigação criminal e elucidação de crimes. Por isso, entendemos a importância em chamá-los para que possam integrar as forças do Estado. Apenas nesta primeira chamada, estamos implementando quase Raula530% do efetivo atual de novos policiais civis. Isso já revela nossa vontade dar ainda mais credibilidade às instituições, além melhorar ainda mais a segurança pública do Estado”, destacou Camilo Santana.

O dado dito pelo governador salienta os 197 delegados, 336 escrivães e 259 inspetores que serão capacitados no curso de formação, com a carga horária é de 720 horas/aula para os delegados e 670 horas/aula para escrivães e inspetores. As aulas, realizadas Academia Estadual de Segurança Pública do Ceará (AESP/CE), contemplarão instruções teóricas e práticas de mediação de conflitos, direitos humanos, direito penal, defesa pessoal, tiro defensivo, investigação policial, entre outros temas. Além das disciplinas que integram a grade curricular, os futuros policiais também participarão de estágio operacional, seminários, visitas e palestras.

aulainPara o aluno de formação para delegado, Alceu Henrique Teixeira, de 34 anos, a expectativa para entrar na instituição é tão grande quanto sua vontade de atuar como delegado da Polícia Civil. “Eu realizo um sonho meu e de toda a minha família: o de entrar para a Polícia Civil do Ceará e puder fazer a diferença, melhorando a vida das pessoas do meu Estado. Tanto eu, quanto os meus colegas, estamos ávidos para ocupar os nossos cargos e desempenhar nossas tarefas da forma mais excelente possível”, disse o aluno.

As aulas seguirão a matriz curricular preconizada pela Secretaria Nacional de Segurança Pública (SENASP/MJ) que prevê uma formação mais humanizada, com base nos direitos humanos e nos valores éticos. Ao todo, dos 792 candidatos aprovados no concurso participarão dos cursos de formação, 161 homens e 36 mulheres participam das aulas para o cargo de delegado, 182 homens e 154 mulheres para escrivão, além de 216 homens e 43 mulheres para inspetor.

Segundo o secretário Delci Teixeira, da Segurança Pública e Defesa Social, os novos policiais já assumem uma grande missão em dedicar suas vidas à sociedade cearense. “Diante dos dados já anunciados, temos seguido com ações integradas que tem surtido efeitos positivos. Por isso, cada vez mais, temos de nos esforçarmos e trabalharmos juntos para que tenhamos uma sensação efetiva de segurança na sociedade cearense. Com a vinda dos senhores e senhoras, vamos minimizar quaisquer dificuldades que há nas atuais delegacias, além de implantar novas em todo Estado”, salientou o secretário.

Posse imediata

Já no final da solenidade, o governador fez o anúncio aos novos alunos, ressaltando que a posse de todos o mais breve possível. “Desde que assumi o Governo do Estado, quis estar pessoalmente envolvido com a questão da segurança pública, por se tratar de um setor estratégico para o Ceará. Sabemos que há um longo caminho e um grande desafio. Por isso, quero dizer que chamaremos imediatamente todos os alunos aprovados para tomarem posse dos seus cargos, logo que encerrarem os seus cursos. Espero todos vocês na solenidade de posse”, encerrou anunciando o governador.

Estiveram presentes durante o evento, o chefe de gabinete, Élcio Batista, os secretários Delci Teixeira (Segurança Pública e Defesa Social), Hélio Leitão (Justiça e Cidadania), Hugo Figueiredo (Planejamento e Gestão), Socorro França (Controladoria Geral de Disciplina do Órgãos de Segurança Pública e Sistema Penitenciário); o assessor especial Acrísio Sena (Acolhimento aos Movimentos Sociais); presidente da Assembleia Legislativa, Zezinho Albuquerque, além do delegado-geral adjunto da Polícia Civil, Marcus Rattacaso, o comandante-geral adjunto da Polícia Militar, Franco Neto, e o comandante do Corpo de Bombeiros Militar, Carlos de Araújo Gurgel.

Saiba mais sobre o concurso Polícia Civil

O concurso para ingresso na Polícia Civil do Estado Ceará foi lançada em setembro de 2014, tendo sua primeira fase (prova objetiva) realizada no dia 18 de janeiro de 2015. O curso de formação e treinamento profissional para delegados, escrivães e inspetores é a segunda fase do certame e tem como objetivos complementar a seleção dos candidatos aprovados na primeira etapa, propiciando o desenvolvimento e aprimoramento da aprendizagem dos futuros profissionais da segurança pública, buscando sua mais abrangente e perfeita formação técnico-profissional.

Foto: Carlos Gibaja / Ariel Gomes

12.01.2016

Wilame Januário
Repórter / Célula de Reportagem

Ciro Câmara
Gestor de Célula / Secretaria

Coordenadoria de Imprensa do Governo do Estado Ceará
Casa Civil / 85 3466.4898