Internos do sistema prisional sorteados no Minha Casa Minha Vida recebem atendimento

2 de fevereiro de 2016

Pareceria entre Sejus e Habitafor permitirá que os internos deem entrada no processo para receber uma nova moradia

Há cinco meses, F.S. foi presa por tentar entrar em uma unidade prisional levando droga para o companheiro. Deixou cinco filhos sob os cuidados da mãe, todos morando em aluguel social pago pela Prefeitura de Fortaleza. Criar cinco filhos sem o auxílio do companheiro acabou levando F.S. para o caminho errado, mas essa é uma história que ela pretende esquecer quando deixar o presídio feminino.

O primeiro passo dessa nova trajetória ela dará ainda dentro da unidade prisional. Na próxima quarta-feira (03), estará entre os seis internos do sistema penitenciário sorteados no programa Minha Casa, Minha Vida que irão à sede da Secretaria Municipal do Desenvolvimento Habitacional (Habitafor) para dar início ao processo de análise documental “É a minha chance de dar uma moradia digna para viver com meus filhos. Vou fazer o possível para dar essa chance a eles”, desabafa.

Ela e os outros internos foram contemplados no sorteio do último dia 4 de dezembro. Desde então, seus familiares vêm buscando reunir a documentação necessária para garantir a participação no processo. As seis pessoas que cumprem pena (três mulheres e três homens) vão ser atendidas na sede da Habitafor. Toda a logística de levar os internos para o órgão municipal – assim como a segurança necessária à ação – está sendo realizada pela Secretaria da Justiça e Cidadania do Estado do Ceará (Sejus).

Os candidatos a beneficiários vão passar pelos processos de pesquisa no Cadastro Único, apuração de renda formal e regularização do número de inscrição social. Os dossiês com essas informações são enviados às instituições financeiras para dar continuidade ao processo.

Para o titular da Justiça e Cidadania, Hélio Leitão, garantir a presença deles no órgão e, consequentemente, no programa social é fundamental para o projeto de humanização que a Secretaria vem buscando construir. “Temos a certeza de que inserir este público nos programas sociais é uma das formas de melhorarmos os índices de violência do Estado”, destaca.

“Estamos demonstrando o quanto o sistema de seleção por sorteio adotado pela Prefeitura de Fortaleza é inclusivo, democrático e transparente, além de dar uma esperança de retomada de vida para estas pessoas que cumprem pena”, avalia a secretária do Desenvolvimento Habitacional, Eliana Gomes.

SERVIÇO

Atendimento aos internos do sistema prisional sorteados no MCMV

Data: quarta-feira, 3 de fevereiro, 15h

Local: Habitafor (Av. Aguanambi, 1770, Bairro de Fátima).

Informações para a imprensa:

Camille Soares (Sejus) – 98878-8464 / 3101-2862

Tunay Moraes Peixoto (Habitafor) – 99947.7234/98682.3675/3488.3384

 

 

02.02.2016

Assessoria de Comunicação
Secretaria da Justiça e Cidadania do Ceará
– (85) 3101-2862 www.sejus.ce.gov.br
email: ascom.sejus@gmail.com
twitter:@sejus_ce
facebook: sejusceara

Ciro Câmara
Gestor de Célula / Secretarias

Coordenadoria de Imprensa do Governo do Estado
Casa Civil
comunicacao@casacivil.ce.gov.br   / 85 3466.4898