14 animais silvestres são apreendidos pela Semace na região do Cariri

11 de março de 2016

Quatorze animais silvestres foram apreendidos em nova operação da Diretoria de Fiscalização da Superintendência Estadual do Meio Ambiente (Semace) nesta quinta-feira (10), no município do Crato, região do Cariri. As apreensões ocorreram por meio de denúncia atingindo três residências. De acordo com o diretor de fiscalização da autarquia, Tiago Bessa, os animais serão destinados ao Centro de Triagem de Animais Silvestres (Cetas) do Ibama em Fortaleza, e quando tiverem condições clínicas adequadas serão soltos em seu habitat natural.

A ação de fiscalização foi motivada por denúncias ao Disque Natureza da Semace além de processos administrativos abertos na Diretoria de Fiscalização (Difis) da superintendência. Na ocasião foram apreendidos quatro canários da Terra, três galos Campina, dois sabiás da Mata, dois papagaios Verdadeiros, um Periquito da Caatinga, um Azulão e um Caboclinho. “A guarda doméstica de animais silvestres sem autorização traz prejuízos por vezes incalculáveis e irreparáveis à biodiversidade uma vez que altera o equilíbrio ecológico por meio de impactos na cadeia alimentar, nos nichos ecológicos das espécimes e na capacidade reprodutiva da espécie. Animal bonito é o que está livre!”, disse Bessa.

A Difis da Semace tem buscado coibir essa prática que, apesar de cultural, é ilegal visto que a posse de animais silvestres em cativeiro sem a devida autorização é crime ambiental passível de detenção de seis meses a um ano, além da multa. As multas aplicadas na operação foram baseadas no Artigo 24 do Decreto Federal Nº 6.514/2008, e variam de R$ 500,00 a R$ 5.000, conforme a quantidade de animais em posse do infrator.

Denúncias e entrega voluntária

A Semace possui o Disque Natureza para casos de denúncias de agressão ou resgate de animais silvestres, através do contato 0800.2752233 (ligação grátis). A autoria da denúncia é preservada. O contato também pode ser feito pelo e-mail atendimento.fauna@semace.ce.gov.br. O proprietário do animal pode devolvê-lo voluntariamente ao Cetas, sem ser multado. Para isso é necessário obter orientações sobre o transporte do animal no telefone (85) 3474.0001.

11.03.2016

Ana Luzia Brito
Assessoria de Comunicação da Semace
Twitter: @Semace
Facebook: semace.gov

Assessoria de Comunicação – Ascom
Superintendência Estadual do Meio Ambiente – Semace
Governo do Estado do Ceará
(85) 3101-5554

Ana Martins
Gestora de Célula / Secretarias

Coordenadoria de imprensa do Governo do Estado
Casa Civil
comunicacao@casacivil.ce.gov.br / 85 3466.4898