Centro Cultural Bom Jardim lança projeto “Bom de Arte” e inicia programação gratuita

14 de março de 2016

Oficinas e apresentações artísticas gratuitas acontecem de 14 a 18 de março, na região do Grande Bom Jardim,

Com o objetivo de dar continuidade às ações educativas e de promoção do acesso à arte e à cultura na região do Bom Jardim, o Centro Cultural Bom Jardim lança o projeto “Bom de Arte”. De 14 a 18 de março, uma intensa programação gratuita, composta por oficinas, intervenções de teatro, dança e literatura, além de espetáculos de circo e shows musicais, tomará conta dos espaços do bairro. A agenda conta também com atrações da Temporada de Arte Cearense do Dragão do Mar.

Para participar das oficinas, o interessado pode efetuar a inscrição nos locais de cada uma delas ou ligando para os números: (85) 3497.5981 / 3497.5991.

As apresentações artísticas acontecem nos dias 17 e 18, na Praça Santa Cecília (Rua Virgínio Nogueira).

Oficinas

Oficina teatral “O urbano e seus pontos de vista”

com Cia Viv’arte

A oficina “O URBANO E SEUS PONTOS DE VISTA” tem por objetivo fazer com que o participante seja o principal protagonista da mudança social do seu bairro. Inquietações e limitações sempre serão comuns entre a juventude que habita os grandes centro urbanos de Fortaleza. Interagir com o espaço e quebrar os limites dos pontos de vista é uma ferramenta utilizada por todos os segmentos artísticos que de alguma forma reagem de maneira poética aos afrontamentos feitos pelo poder público.

Facilitador: Wilbert Santos

Local: Escola Jociê Caminha Meneses (Rua Itu, 120)
Dias: 14 a 17 de março
Horário: 18h
Público-alvo: A partir de 15 anos

Oficina de dança “De jovem pra jovem”

com Laboral Crew

Laboral Crew é um grupo que trabalha com as vertentes das Danças Urbanas. Sua formação se deu a partir da junção de um b.boy com as duplas H2 Brothers e Duo Replay e o trio Bom d’Dança .

Facilitador: Erick Flor

Local: Praça do Canindezinho (Av. General Osório de Paiva)
Dias: 14 e 15 março, das 17h às 20h30, na Praça do Canindezinho (Av. Gen. Osório de Paiva)
16 de março, das 17h às 20h30, na Praça de Santa Cecília  (Rua Virgínio Nogueira)
Público-alvo: A partir de 15 anos


Oficina de Turbante

com Eduardo Marques

O intuito da oficina é aproximar da periferia um pouco da cultura afro. A oficina de turbante busca fortalecer a identidade afro-brasileira e sua historicidade nos dias atuais. O participante irá aprender um pouco dos costumes negro e entender o verdadeiro sentido do turbante.

Dias: 14 a 17 de março
Local: Escola Sérvulo Mendes (Rua Mirtes Cordeiro, nº 2239).
Horário: 14 às 17h
Facilitador: Eduardo Marques

“Nós, as mulheres” – Oficina de intervenção comunitária voltada para mulheres

Essa oficina propõe-se a divulgar e ampliar o conceito de empoderamento feminino entre mulheres jovens. Baseando-se na promoção da igualdade de gêneros, da elevação da qualidade de vida das mulheres, do fortalecimento dos vínculos entre elas, da autonomia, dos cuidados com a saúde reprodutiva e sexual e ainda da visibilidade das lutas femininas locais e ao redor do mundo. Utilizaremos preceitos como os princípios  do empoderamento feminino, a sororidade e outros mecanismos de defesa dos direitos da mulher.

Dias: 14 a 17 de março
Local: CCBJ (Rua Três Corações, 400)
Horário: 09 às 12h  /  14 às 17h
Facilitadora: Ayla Andrade
Público-alvo: Mulheres a partir de 14 anos

“Giro Afro”

Com Doroteia Ferreira

A facilitadora apresenta sua pesquisa de dança Afro dentro do contexto contemporâneo e como ela se relaciona com os tempos atuais. O corpo que constrói/ desconstrói no ritmo dos atabaques, das congas e do que cada intérprete/criador traz na sua memória corporal.

Dias: 14 a 17 de março               
Local: Escola Sérvulo Mendes (Rua Misto Cordeiro, 2239)
Horário: 13h30 às 16h


Programação Cultural

17 de Março (quinta)

17h às 18h30 – Espaço da Leitura

Exposição de livros infantis, de literatura brasileira e fanzines destinados ao público do Grande Bom Jardim. Tem como objetivo incentivar o gosto pela leitura, promover um encontro literário entre o texto e o leitor, bem como oferecer um espaço de lazer e cultura por meio de conhecimentos que a leitura pode proporcionar às pessoas.

Direção: Joelma Souza (Bibliotecária do CCBJ) e estagiários do CCBJ
Local: Praça Santa Cecilia (Rua Virgínio Nogueira)
20h30 – “Vidas Volantes” com Breculê

[Temporada de Arte Cearense]

O Breculê desenvolve um trabalho original dedicado à música brasileira, em sua diversidade instrumental, rítmica, harmônica e poética, com composições versadas em uma linha contemporânea. O primeiro fruto deste trabalho é o disco Vidas Volantes, lançado em 2010, e muito bem recebido pelo público e crítica. Em sua versão duo, Pedro Fonseca (violão e voz) e Fabrício da Rocha (violão e voz) revelam ao público uma perspectiva diferente da música do grupo – que tem percussões, sopros e cordas na formação completa – condensando a sonoridade e evidenciando esse diálogo entre violões e vozes.

Direção: Pedro Fonseca e Fábio Marques:
Local: Praça Santa Cecilia (Rua Virgínio Nogueira)
21h30 – Lançamento do single “Nós Ao Vivo”, de Daniel Medina

[Temporada de Arte Cearense]

Como lançamento de seu single de estreia intitulado “Nós Ao Vivo”, o compositor e ator Daniel Medina apresenta o show homônomo “Medina”.  Com direção musical do guitarrista Bruno Rafael e arranjos coletivos, a banda é composta ainda por Milton Ferreira no baixo e Igor Ribeiro na bateria. No repertório, canções inventivas de Medina ganham vida através de timbres elétricos e acústico somados a uma interpretação marcante e singular do próprio autor.

Direção: Lira Produções
Local: Praça Santa Cecilia (Rua Virgínio Nogueira)
Censura: Livre

18 de Março (sexta)

18h30 – Espetáculo Circo Alegria, do Grupo Garajal

[Temporada de Arte Cearense]

Utilizando técnicas circenses como malabares, pirofagia, acrobacia, e a alegria do palhaço, o coletivo vem contar a história de um grupo mambembe cheio de habilidades nas artes circenses para conquistar o seu público. Passeia por todos os cantos com sua alegria e irreverência. Com a chegada de um palhaço atrasado e suas trapalhadas, faz uma confusão e libera a gargalhada da criançada. Sem perceberem, proporcionam ao público um espetáculo jamais visto naquela cidade, resgatando a magia do picadeiro e levando grandes surpresas ao público com gargalhadas e relembrando as tradicionais Cia. de circo.

Duração: 45 min
Censura: Livre
Local: Praça Santa Cecilia (Rua Virgínio Nogueira)

19h – Lagarta Pintada

Programa lúdico-educativo que proporciona ao público infantil momentos de lazer e criação através de atividades de pintura e desenho livre, jogos, cantigas de roda e brincadeiras da cultura tradicional popular.

Direção: Francisco José e Letícia Silva
Local: Praça Santa Cecilia (Rua Virgínio Nogueira)

20h30 às 23h – Bonja Roots + Resultado da Oficina de Turbante

A segunda edição do “Bonja Roots” acontece com o intuito de difundir o reggae no Grande Bom Jardim, fortalecer ainda mais a ideia de cultura de paz e valorizar a cultura Roots que se faz tão forte e presente dentro dos grandes centros urbanos.

Direção: Wilbert Sousa
Local: Praça Santa Cecilia (Rua Virgínio Nogueira)

Serviço Bom de Arte

De 14 a 18 de março de 2016

Espaços diversos do Grande Bom Jardim

Acesso gratuito

É necessário fazer inscrição para as oficinas. As inscrições podem ser feitas presencialmente, nos locais das oficinas, ou por telefone: (85) 3497.5981 / 3497.5991.

14.03.2016

Luciana Vasconcelos / Luar Brandão
Assessoria de Comunicação do Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura
(85) 3488.8617/ 8733.8829 / imprensa@dragaodomar.org.br /

Ana Martins
Gestora de Célula / Secretarias

Wania Caldas
Gestora de Célula / Conteúdo

Coordenadoria de Imprensa do Governo do Estado do Ceará
Casa Civil / 85 3466.4898