‘Corre Pra Vida’ supera cinco mil atendimentos

23 de março de 2016

Implementado pela Secretaria Especial de Políticas sobre Drogas (SPD) há pouco mais de quatro meses, o Corre Pra Vida apresenta números significativos que reforçam a importância da iniciativa. O projeto vem possibilitando à população em situação de rua e socialmente vulnerável o acesso a atividades de autocuidado, serviços de saúde e à rede socioassistencial em Fortaleza.

No ponto de acolhimento e abordagem (contêiner), instalado no Oitão Preto, no Centro da capital cearense, os profissionais interdisciplinares e redutores de danos já realizaram 5.157 atendimentos desde a operação do equipamento, no início de novembro de 2015. Além disso, ocorreram 465 abordagens de rua com a utilização de unidade móvel, além de 141 encaminhamentos e acompanhamentos.

Hoje, em média, são realizados 100 atendimentos por dia a pessoas em situação de rua somente no contêiner, incluindo, além do acesso a serviços públicos diversos, a utilização de chuveiro e sanitário e a oferta de insumos de higiene e saúde. O projeto também proporciona a participação dos usuários em atividades de caráter informativo e educativo, reinserção familiar, profissional e social, bem como ações de redução de riscos e danos dentre os que fazem uso de substâncias psicoativas e álcool. A ideia é proporcionar acolhimento, tratamento e a ressocialização.

O contêiner do Corre Pra Vida estará aberto de segunda a sábado, das 8 às 17 horas. As abordagens dos técnicos proporcionam a vinculação dos usuários com a equipe do projeto, facilitando a identificação das suas necessidades e o consequente encaminhamento das demandas. Mas, é o usuário que decide se quer se tornar um dos beneficiários do projeto, não havendo quaisquer tipos de imposições.

A secretária Especial de Políticas sobre Drogas, Mirian Sobreira, destaca a importância do projeto para a população em situação de rua e/ou vulnerabilidade, em especial aquelas pessoas que fazem uso problemático de drogas. Ela lembra que o Corre Pra Vida foi implementado pela SPD numa forma de resgatar a cidadania da população de rua e em outros contextos de vulnerabilidade social, reduzindo os danos do uso de drogas e promovendo direitos e a inserção nas diversas políticas públicas.

23.03.2016

Lena Ximenes
Assessora de Comunicação da Secretaria Especial de Políticas sobre Drogas (SPD)
(85) 98902.7939 / 3238.5090– lenaximenes66@gmail.com / comunicacao@spd.ce.gov.br

Ciro Câmara / Wania Caldas
Gestores de Célula / Secretarias e Conteúdo

Coordenadoria de Imprensa do Governo do Estado do Ceará
Casa Civil / 85 3466.4898