Hospital Geral de Fortaleza tem novo diretor

4 de Maio de 2016

O médico João Batista Silva é o novo diretor-geral do Hospital Geral de Fortaleza (HGF). Especialista em gestão hospitalar e membro do Colégio Brasileiro de Executivos da Saúde, João Batista chega ao HGF depois de dirigir o Serviço de Verificação de Óbito (SVO) e o Hospital Waldemar Alcântara, que são da rede pública do Governo do Estado. Foi ainda diretor do Hospital Frotinha da Parangaba, da rede pública da Prefeitura de Fortaleza, função que desempenhava quando convidado para dirigir o HGF, o maior hospital público da rede estadual de assistência. João Batista foi também diretor do Hospital Regional da Unimed, entre 2010 e 2014.

João Batista Silva tem graduação em Medicina pela Universidade Federal do Ceará (1988) e mestrado em Obstetrícia e Ginecologia pela Universidade de São Paulo (1994). Com especialização em Gestão Hospitalar, Sistemas de Saúde e Acreditação Hospitalar pela UFC, desenvolve consultoria e pesquisa na área de gestão de serviços de saúde. Na área clínica tem atuação relacionada às doenças sexualmente transmissíveis, HPV, prevenção do câncer e, ainda, à medicina do trabalho. Atualmente é professor-assistente da UFC.

Com 563 leitos, entre eletivos, emergência, obstetrícia e unidades de terapia intensiva adulto e neonatal, o HGF é referência em procedimentos de alta complexidade. Realiza transplantes, neurocirurgias e presta assistência em Acidente Vascular Cerebral (AVC) e outras patologias neurológicas, ortopedia, obstetrícia de alto risco, tratamentos clínicos especializados. Integra a rede de Hospitais Sentinelas, Hospital Amigo da Criança, Rede Cegonha e Programa SOS Emergência, do Ministério da Saúde.

Maior hospital público da rede estadual, o HGF é referência em 63 especialidades e sub-especialidades. O hospital mantém o único banco público de olhos do Estado, fazendo a captação, preservação e distribuição de córneas para os 15 centros transplantadores de todo o Ceará. Além de realizar transplantes de córneas, faz transplantes de fígado, pâncreas e rim. O Hospital Geral é também um dos maiores centros de treinamento do País, certificado por portaria interministerial dos Ministérios da Saúde e da Educação como hospital de ensino, atuando na formação de médicos em 26 especialidades.

Aos programas de ensino foi incluída, em 2014, a Residência Multiprofissional, com o propósito de qualificar continuamente a Rede de Atenção à Saúde. Atualmente, nesse segmento, são nove áreas de atuação. Entre elas, fisioterapia, fonoaudiologia, psicologia, assistente social, dentre outras. A Residência Multiprofissional em Saúde utiliza a educação permanente como eixo pedagógico, formador e participador no contexto do sistema público de saúde. De forma integrada, as categorias se aperfeiçoam e garantem a qualidade no atendimento aos pacientes.

04.05.2016

Assessoria de Comunicação da Sesa
Selma Oliveira / Marcus Sá / Helga Rackel ( selma.oliveira@saude.ce.gov.br / (85) 3101.5221 / 3101.5220)
Twitter: @SaudeCeara
www.facebook.com/SaudeCeara

Assinatura coornenadoria matérias