Minha Casa, Minha Vida: 486 famílias de Itapipoca beneficiadas nesta quinta (5)

5 de Maio de 2016

O governador Camilo Santana participou do evento, que contou com link ao vivo com a presidenta Dilma Rousseff

WEB MVS4285“É uma alegria sem tamanho ter uma casa própria, pois há 14 anos vivíamos de aluguel. Quando vimos o lugar de longe, tive a certeza que é uma vida nova que começa, uma vida bela, como diz o nome daqui. Realizar esse sonho não tem preço”, disse o mecânico Alexandre Alves Maciel ao lado da esposa Sinara e do filho Eduardo. Eles eram uma das 486 famílias que receberam, nesta quinta-feira (5), unidades habitacionais dos residenciais Vida Bela e Vida Nova, do Programa “Minha Casa, Minha Vida”, no município de Itapipoca.

WEB MVS4289Outra beneficiada foi a empregada doméstica Raimunda Pereira. “Estou muito feliz. Só em não ter que pagar aluguel é muito bom. Antes morávamos num lugar apertado, com filho, tio, sobrinho, e agora podemos dizer que temos um lugar de qualidade para viver. Todos estamos ansiosos”, disse.  Já o agricultor Reginaldo Justino de Sousa disse que a casa é a realização de um sonho. “Com certeza estamos realizando um sonho, pois sem pagar aluguel podemos fazer muitos planos. Nós entramos na casa e ficamos impressionados, é espaçoso, tudo novo. Somos muitos agradecidos às autoridades que brigaram para WEB MVS4290conseguir essas moradias para nós”, afirmou.

O governador Camilo Santana participou da solenidade, que contou com link ao vivo com a presidenta Dilma Rousseff para cinco cidades brasileiras. “É uma satisfação muito grande estar aqui entregando essas 486 casas. O programa “Minha Casa, Minha Vida” é o maior programa habitacional que o país já teve e eu tive o prazer de acompanhar de perto aqui no Ceará desde quando eu era secretário das Cidades. Entrei na casa, ela está linda, toda novinha. Muitos aqui viviam antes em áreas de risco e ainda pagando caro. Todas essas famílias terão direito a um a lar de qualidade, livre de aluguel e uma prestação WEB MVS4390que não pesa no bolso. Antes as pessoas pensavam que o que era para os necessitados era feio ou não prestava. Mas é o contrário, por ser para quem mais precisa é que nós gestores temos obrigação em entregar um serviço de qualidade”, disse.

Através do telão instalado no local, a presidenta Dilma Rousseff falou ao vivo de Santarém-PA e destacou o sucesso do programa. “Ele se chama “Minha Casa, Minha Vida” pois ele é da família, das crianças que vão compartilhar o lar. Esse é o trabalho que nos traz felicidade, a construção da família. Estamos ligados a várias cidades que participam de inaugurações e quero cumprimentar todas elas. É muita gente hoje fazendo a festa, recebendo a chave da casa própria. Mais do que os números, que são grandes, nossa maior alegria é saber que a casa própria abre com chave de ouro um novo momento na vida das pessoas. E por isso eu acredito que esse é o programa mais importante do meu governo, pois ele é o mais bem sucedido. Somando com 1 milhão do governo Lula, já foram 2 milhões e 664 mil casas entregues. Ao final da terceira etapa, serão mais de 5 milhões. Com esses residenciais mostramos a importância de um governo a favor de quem mais precisa”, disse.

Representando o Governo Federal no evento do Ceará, o ministro da Comunicação, André Figueiredo, destacou o trabalho das autoridades para que o programa tivesse os números que tem apresentado. “A gente, que roda o país inteiro, fica muito feliz de estar aqui hoje em Itapipoca. Ver que 486 famílias que viviam de aluguel, muitas delas em condições sub-humanas, hoje ganham moradia de qualidade. Mas para isso é preciso um governador que arregace as mangas, e o Camilo Santana não mediu esforços. Ele sempre que podia estava em Brasília para tratar com a presidenta sobre essa questão. Todos que estão aqui lutam pelo bem do Brasil. Estamos vivendo um momento de dificuldade e precisamos da união de todos que querem um país melhor”, afirmou.

Estiveram também presentes o secretário das Cidades, Lúcio Gomes; o secretário executivo do Desenvolvimento Agrário, Felipe Pinheiro; os deputados federais José Guimarães e Odorico Monteiro; o prefeito de Itapipoca, Dr. Dagmauro Moreira; representantes do Banco do Brasil, além de autoridades locais.

Investimento

Os dois empreendimentos contam com um investimento total de R$ 28 milhões. Para o residencial Vida Nova foram destinados R$ 16,6 milhões para a construção de 287 moradias. Já no residencial Vida Bela foram aplicados recursos da ordem de R$ 11,5 milhões para a construção de 199 unidades. As unidades habitacionais são do tipo casa e possuem 43 m², distribuídos entre dois quartos, cozinha, sala de estar, banheiro, pátio e área de serviço.

Entrega simultânea

A presidenta Dilma Rousseff participou, por meio de link ao vivo, da entrega de 6.597 unidades habitacionais em cinco cidades brasileiras. Pelo Programa “Minha Casa, Minha Vida”, foram entregues moradias nas cidades de Santarém, Camaçari, Uberaba e Campos dos Goytacazes, além de Itapipoca.

Minha Casa, Minha Vida no Ceará

O Governo do Estado do Ceará, por meio do Programa “Minha Casa, Minha Vida”, entregou só no ano passado 2.143 unidades habitacionais. Para este ano, estão previstas cerca de 8.152 moradias para o interior nas faixas 1 (renda mensal bruta de até R$ 1.800), SUB-50 (municípios com população até 50 mil habitantes) e Programa Nacional de Habitação Rural? (PNHR).

Atualmente, o Estado tem em andamento a construção de oito residenciais em seis municípios cearenses pela faixa 1 do MCMV e mais cerca de 2.000 casas pelas faixas Sub-50 e PNHR do programa.

05.05.2016

Fotos: Marcos Studart e Carlos Gibaja

Thiago Sampaio
Repórter / Célula de Reportagem

Assinatura coornenadoria matérias