#TochaOlímpicanoCeará: símbolo das Olimpíadas chega pela primeira vez ao Estado

7 de junho de 2016

WEB RR0274

A jornada da Chama começou no dia 21 de abril, em Olímpia, na Grécia, cidade-­berço dos Jogos. Chegou em Brasília, no dia 3 de maio, para o início do revezamento, que termina em 5 de agosto, no Rio de Janeiro, no acendimento da pira olímpica na Cerimônia de Abertura dos Jogos.

web MVS6164“É gratificante, é bom estar nesse evento esplêndido, transmitido para o mundo todo, representando o Estado. Você nunca imagina que um dia vai carregar a tocha ao lado de muita gente boa, isso causa um nervosismo, mas também emoção”, disse Ana Cecília do Nascimento, que conduziu a tocha nesta terça-feira (7), em Aracati, primeira cidade a receber o símbolo olímpico no Ceará.

web MVS6149Depois de Aracati, o símbolo olímpico passou por Aquiraz e seguiu, de carro, em direção à CE-040, com destino a Fortaleza. A chegada na Capital aconteceu por volta de meio-dia, na Arena Castelão. O paratleta Carlos Alberto Maciel, conhecido como Betão, único cearense nos Jogos Paralímpicos de Londres 2012, deu o pontapé inicial do trajeto com a tocha. Ele foi acompanhado dos três alunos escolhidos pelo concurso de redação do MEC, do gramado do estádio até a rotatória da avenida Alberto Craveiro.

web MVS6161Entre os estudantes que ganharam o direito de conduzir a tocha, a sensação era um misto de ansiedade e alegria. “Foi uma experiência gratificante porque era um concurso difícil, de nível regional, muitas pessoas concorreram comigo e felizmente eu ganhei. A sensação de participar desse momento histórico é de muita felicidade e gratidão”, disse Eduardo Ribeiro Sampaio.  

web MVS6156Mais à frente, no Centro de Eventos, Daniele Silva, 36, esperava a filha Gabriele, a mais nova condutora da tocha olímpica no Brasil. “Ela tem 12 anos e um mês. Fez uma redação sobre árvores plantadas no rio Ceará, projeto que participou, e foi selecionada. Ela tava muito nervosa, nem dormiu direito”, conta a mãe.

WEB TS7654Na Praça Luiza Távora, o revezamento começou por volta das 15h30, com o triatetla Naerton Menezes, e seguiu em direção ao Terminal Marítimo de Passageiros, no Mucuripe. As crianças do Circo Escola Bom Jardim realizaram apresentações para os espectadores que foram à praça. O advogado Diociécio de Sousa, de 40 anos, levou o filho de cinco anos para o local. “É um momento ímpar para nosso Estado e nós não podemos perder. Vou tentar tocar na tocha e registrar esse momento, que vai ficar na história”, enfatizou.

WEB TS7668Os pais do triatetla Naerton Menezes, Francisco Pereira de Menezes, 80, e Raimunda Gomes de Menezes, 75, falaram da emoção pela participação do filho no revezamento da tocha. “É uma emoção muito grande, não só para nosso filho, mas para nós também porque é uma oportunidade única. No Ceará, é a primeira vez que recebemos um evento nessa magnitude e isso nos enche de orgulho”, afirmaram.

O secretário Jeová Mota, da Secretaria do Esporte do Estado (Sesporte), afirmou que as cidades cearenses “continuarão fazendo bonito no evento”. “Neste primeiro dia de revezamento no Ceará, as três primeiras cidades que receberam a tocha jogaram uma responsabilidade e tanto para as outras nove. Mas tenho certeza que Caucaia, Itapajé, Irauçuba, Forquilha, Sobral, Massapê, Granja, Camocim e Barroquinha corresponderão e farão uma festa ainda maior para a chama olímpica, que levará um pouquinho do Ceará para a abertura das Olimpíadas do Rio 2016”, disse.

A tocha está percorrendo, no início da noite desta terça (7), um último trecho em Fortaleza, partindo do Cuca da Barra do Ceará com destino ao Aterro da Praia de Iracema, onde haverá o acendimento da Pira Olímpica e contará com shows musicais. Amanhã, o símbolo olímpico passará pelos municípios de Caucaia, Itapajé, Irauçuba, Forquilha e Sobral. Na quinta-feira (9) é a vez de Massapê, Granja, Camocim e Barroquinha.

A jornada da Chama começou no dia 21 de abril, em Olímpia, na Grécia, cidade-­berço dos Jogos. Chegou em Brasília, no dia 3 de maio, para o início do revezamento, que termina em 5 de agosto, no Rio de Janeiro, no acendimento da pira olímpica na Cerimônia de Abertura dos Jogos.

07.06.2016

Thiago Sampaio e Wiarlen Ribeiro
Repórteres / Célula de Reportagem

Secretaria do Esporte
Eduardo Buchholz
Assessor de Comunicação
(85) 3101-4415 / 9 8732-1976

Assessoria de Comunicação da Secretaria do Turismo do Ceará (Setur)
Yanna Guimarães
(85) 3195.0211 / 98956.0331
yanna.guimaraes@setur.ce.gov.br

Fotos: Tiago Stille / Marcos Studart / Ariel Gomes / Rogério Rodrigues / Governo do Ceará

Assinatura coornenadoria matérias