Mais de 780 bebês já registrados no Hospital César Cals em 2016

8 de junho de 2016

As assistentes sociais iniciam a busca ativa logo cedo, nas enfermarias, para saber quem deseja realizar o registro civil, ainda na maternidade, antes mesmo da alta hospitalar. Esse é mais um serviço assegurado no Hospital Geral Dr. César Cals, da rede pública do Estado, para trazer mais comodidade aos pais e garantir o acesso ao primeiro documento de uma forma rápida e simples. Só nos cinco primeiros meses de 2016, o posto avançado de registro civil do HGCC registrou 782 bebês. No mesmo período de 2015, esse número foi de 721 registros.

“O nosso trabalho é voltado para o esclarecimento aos pais, principalmente as mães sobre a realização do registro, os documentos necessários, a gratuidade do documento e quanto à licença paternidade, desconhecida dos pais na maioria dos casos”, relata Celi Barros, coordenadora do Serviço Social. Além disso, são assistentes que ligam para a família informando sobre o registro, solicitando que os pais e outros familiares tragam toda a documentação necessária para realizar o registro. As nossas orientações são voltadas ainda para as mães que têm bebês internados na UTI. “O registro é importante, principalmente nos casos em que possa haver transferência hospitalar ou realização de exames mais especializados”, destaca.

Brenda Kézia Lopes deu à luz a um menino no domingo, 5. O nome escolhido para o primeiro filho foi Zaion Lopes Lima. Com apenas três dias de nascido, ele já está registrado e o pai vai levar pra casa o primeiro documento do filho. Eles aproveitaram o horário de visitas para fazer o registro. “É ótimo porque a gente já faz tudo aqui, de uma vez”, declara a mãe. O pai conta que recebeu a orientação da assistente social no dia anterior. Na tarde desta quarta-feira, ele aproveitou e já trouxe a documentação. “Facilitou muito a minha vida. Não preciso mais em outro lugar para registrar”, declara o pai. Enquanto a mãe aguardava na enfermaria, ele foi ao posto efetuar o procedimento do registro.

O Hospital Geral Dr. César Cals iniciou a realização de registros civil em agosto de 2008, evidenciando ainda mais o atendimento humanizado. Foi o primeiro hospital público estadual do Ceará a oferecer o serviço aos pais, antes mesmo da alta hospitalar. O posto avançado de registro civil funciona de segunda a sexta-feira, sempre no horário de 13h às 15h. Todos os pais são convidados e incentivados a registrar seus filhos. O documento fica pronto em poucos minutos e é entregue logo em seguida.

Documentos necessários para registrar

PAIS CASADOS: Presença de um dos pais com os seguintes documentos:

– RG original do declarante (mãe e pai)
– Declaração de Nascido Vivo (DNV): fornecido pelo hospital onde a criança nasceu
– Certidão de Casamento.

PAIS NÃO CASADOS: Comparecer juntos para declarar o nascimento, apresentando os seguintes documentos:

– RG do pai e da mãe
– Declaração de Nascido Vivo (DNV): fornecida pelo hospital onde a criança nasceu

Observação: Quando o pai não quiser registrar a criança em seu nome, a mãe poderá fazê-lo sozinha.

PAIS MENORES DE IDADE: Pais com menos de 16 anos somente podem registrar seus filhos acompanhados pelos responsáveis (Pai e Mãe)

– RG do pai e da mãe
– Declaração de Nascido Vivo (DNV): fornecida pelo hospital onde a criança nasceu
– Documentos de identificação dos responsáveis (Pai e Mãe)

08.06.2016

Assessoria de Comunicação do HGCC
Wescley Jorge – (85) 3101.5323
ascom@hgcc.ce.gov.br
Facebook.com/HospitalGeralCesarCals
Twitter: @Hosp_CesarCals

Assinatura coornenadoria matérias