CE Pacífico: Estado gera 40 oportunidades de negócios no Grande Vicente Pinzon

25 de junho de 2016

Reconhecida por ter uma das vistas mais bonitas da cidade, pelas escadarias, pela conversa entre vizinhos nas calçadas, a região de Fortaleza que leva nome de navegador espanhol é também uma região de gente criativa e empreendedora. O Grande Vicente Pinzon acolheu o Progerar – Trabalho e Cidadania, projeto da Secretaria do Trabalho e Desenvolvimento Social (STDS) feito com a comunidade e para a comunidade, e gerou resultados expressivos. Parte do leque de ações do programa Ceará Pacífico, o Progerar alcançou, além do Vicente Pinzon, os públicos do Mucuripe, Castelo Encantado, Santa Terezinha, Praia do Futuro, Cais do Porto e Titanzinho.

Durante três meses, 557 pessoas foram qualificadas profissionalmente, por meio de 15 cursos, distribuídos em 34 turmas. Nesse período, 40 planos de negócios foram desenvolvidos nas áreas de Produção de Alimentos, Solda e Metalurgia, Higiene e Beleza, Mecânica de Motos e Organização de Eventos. Em fase de elaboração, os projetos serão aprimorados para encaminhamento a instituições de microcrédito.

Resíduos sólidos

Empreendimentos associativos também foram fortalecidos no Grande Vicente Pinzon. Na área de resíduos sólidos, uma “Bike Cargo” – bicicleta equipada com carroceria, com capacidade de carga de 300 kg, foi desenvolvida para trazer mais facilidade, conforto e segurança aos trabalhadores que desempenham a atividade de coleta seletiva de papel, papelão, vidros, metais, plástico etc. A “Bike Cargo” também vem munida de um filetador de garrafas PET, ferramenta que corta o produto em pequenas tiras, economizando espaço e simplificando o trabalho de reutilização. A ideia da Associação Movimento Comunitário do Serviluz segue ganhando corpo para atender, inicialmente, os catadores dos bairros no entorno, podendo o projeto ser estendido para toda a cidade.

A cerimônia de encerramento do Progerar acontece neste sábado, às 10h, no Centro de Eventos do Ceará, e contará com as presenças do governador Camilo Santana; do titular da STDS, Josbertini Clementino; do prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio; e do assessor de Planejamento e Desenvolvimento Institucional da STDS, Sebastião Araújo, coordenador do Progerar – Trabalho e Cidadania e diretor do Laboratório Organizacional.

De mãos dadas com a comunidade

Foi apostando nos recursos e vocações econômicas da comunidade para gerar ocupações produtivas e renda e fortalecer projetos já existentes no Grande Vicente Pinzon que o Progerar se desenvolveu. O projeto utilizou a metodologia de capacitação massiva cujo instrumento técnico-pedagógico é a estrutura do Laboratório Organizacional, onde foram realizados os cursos de capacitação profissional, planejados de acordo com as demandas das comunidades. Os alunos participaram de unidades de produção de empresas fictícias, mas com funcionamento real. O método, já aplicado em mais de 30 países, foi criado pelo professor Clodomir Santos de Morais e cedido pelo Instituto de Apoio Técnico aos Países do Terceiro Mundo (Iattermund).

Resultados desse processo de organização socioprodutiva foram apresentados ainda em maio quando duas feiras foram organizadas pela comunidade do Grande Vicente Pinzon para exposição e comercialização de produtos e serviços desenvolvidos no Laboratório Organizacional. Neste sábado, 25 de junho, dez alunos do curso de Organização de Eventos também já colocarão em prática suas habilidades aprendidas nos cursos, durante a solenidade de encerramento do Progerar, auxiliando a equipe de cerimonial.

Cursos e oficinas

Conforme as demandas das comunidades do Grande Vicente Pinzon, foram realizados cursos de Informática, Bombeiro Hidráulico, Soldador, Mecânica de Motos, Cabeleireira e Design de Sobrancelhas, Arte Culinária e Lanches Rápidos, Inglês Básico, Auxiliar Administrativo, Teatro, Manutenção de Computadores, Oficina de Elaboração de Projetos, Boas Práticas na Gastronomia, Organização de Eventos, Doces e Salgados/Tortas e Bolos e Produção de Confecção. Ainda como ação complementar na região, até dezembro, o Progerar realizará cadastramento dos participantes do projeto no Sine/IDT, além de oficinas de Gestão Empresarial e Aperfeiçoamento de Produtos, por meio da Central Fácil.

Iniciadas em abril, as capacitações e atividades produtivas foram realizadas no CVT Portuário Manuel Dias Branco, no Centro de Inclusão Tecnológica e Social do Mucuripe (Cits), no Centro Comunitário do Farol, no Instituto Diva – Mirante Santa Terezinha, no Grupo de Apoio e Mensagem ao Adolescente Cearense (Gamac), na Associação Arte e Costura e na Igreja Santa Terezinha.

O governo do Estado, por meio da STDS e o Ceará Pacífico realizaram o Progerar – Trabalho e Cidadania em parceria com a Prefeitura de Fortaleza, em um trabalho conjunto que envolveu as comunidades assistidas pelos CRAS; Centro de Inclusão Tecnológica e Social (Cits/STDS); Centro Comunitário do Farol; Escola de Vida, Sabor e Arte (Evisa); Agência de Desenvolvimento Econômico e Social (Ades); Instituto de Desenvolvimento Social e da Cidadania (Idesc); Associação Batista Beneficente e Missionária (Abbem); Companhia Docas do Ceará; Centro Vocacional Portuário Manuel Dias Branco (CVT); Centro de Inclusão Social e Profissional Monsenhor Amarílio Rodrigues (Cisp); Associação Arte e Costura; Stúdio Diva; Grupo de Apoio e Mensagem ao Adolescente Cearense (Gamac); Banco do Nordeste; Sebrae; além de entidades sociais e comunitárias do Grande Vicente Pinzon.

Ceará Pacífico

Coordenado pela vice-governadora Izolda Cela, o Ceará Pacífico abrange programas, projetos e ações voltadas para a prevenção da violência e redução da criminalidade. Lançado em agosto de 2015, tem o objetivo de construir uma cultura de paz em todo o território cearense e vai operar a partir de políticas públicas interinstitucionais de prevenção social e segurança pública. A meta é a melhoria do contexto urbano, por meio de ações que possibilitem o monitoramento e a avaliação contínua da sociedade, criando condições de acolhimento para as populações mais vulneráveis e o enfrentamento da violência.

O eixo de atuação do Ceará Pacífico é a atuação integrada e compartilhada dos órgãos e entidades públicas estaduais, municipais e federais, junto da sociedade civil. O Pacto é realizado a partir de atividades conjuntas nas áreas de Segurança Pública e Defesa Social, Justiça e Cidadania, Direitos Humanos, Educação, Ciência e Tecnologia, Saúde, Política sobre Drogas, Cultura, Esporte, Desenvolvimento Urbano e Meio Ambiente, e Juventude.

SERVIÇO

Data: 25 de junho (sábado)

Horário: 10 horas

Local: Centro de Eventos do Ceará (Salão Taíba, entrada pelo Portão A) – Av. Washington Soares, 999, Edson Queiroz

Mais informações:

Sebastião Araújo – Coordenador do Progerar: 9.8895.5466

Paulo Santana – Codiretor do Núcleo CVT do Progerar: 9.8881.1413

24.06.2016

Assessoria de Comunicação Social
Secretaria do Trabalho e Desenvolvimento Social – STDS
Jornalista responsável: Carlos Eugênio
Celular: 98878.8510
Fone: 3101.2089 / 2099
E-mail: imprensa@stds.ce.gov.br
Twitter: www.twitter.com/stdsonline