STDS capacita equipes dos Cras de 36 municípios do Estado

15 de julho de 2016 # # # # # # # # # # # # # # # # # # # # # # # # # # # # # # # # # # # #

A ação fortalecerá a atenção às famílias extremamente pobres com crianças de zero a seis anos de idade

 

A Secretaria do Trabalho e Desenvolvimento Social (STDS) inicia nesta segunda-feira (18), às 9h, capacitação para as equipes dos Centros de Referência da Assistência Social (Cras) de 36 municípios integrantes do PforR (Projeto de Apoio ao Crescimento Econômico com Redução das Desigualdades e Sustentabilidade Ambiental do Estado do Ceará – Programa para Resultados). Participam da abertura do curso, que se estende até o dia 22, a primeira-dama do Estado, Onélia Leite Santana, e o titular da STDS, Josbertini Clementino.

A qualificação será focada, inicialmente, nos Orientadores Sociais que atuam nos Cras. Entre os temas abordados durante a semana estão o Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV) para crianças de 0 (zero) a 6 anos; matricialidade sociofamiliar; desenvolvimento da criança; brincadeiras e jogos; inclusão e diversidade; e linguagem. “Capacitações como estas são fundamentais para que a assistência social se consolide enquanto política pública eficaz em nosso Estado. Só conseguimos atender o público socialmente mais vulnerável com o apoio das equipes que lidam diretamente com essas famílias e vivenciam o cotidiano de quem precisa dos serviços dos Cras”, afirmou Josbertini Clementino.

Os municípios cujas equipes serão qualificadas são Aiuaba, Amontada, Ararendá, Araripe, Barroquinha, Boa Viagem, Capistrano, Choró, Croatá, Graça, Ipaporanga, Ipueiras, Irauçuba, Itapiúna, Itarema, Itatira, Martinópole, Miraíma, Moraújo, Morrinhos, Mucambo, Novo Oriente, Pereiro, Poranga, Quiterianópolis, Reriutaba, Salitre, Santana do Acaraú, Santana do Cariri, Tamboril, Tarrafas, Trairi, Tururu, Uruoca e Viçosa do Ceará.

PforR

O Programa para Resultados Ceará (PforR) contempla uma operação de crédito com o Banco Mundial, contratada pelo Governo do Ceará, para garantir a continuidade dos investimentos em áreas estratégicas do Estado. A ação promoverá o crescimento econômico, privilegiando a inclusão social e as políticas ambientalmente sustentáveis, através dos eixos de capacitação profissional, assistência à família, qualidade da água e gestão por resultado.

A STDS insere-se no PforR no eixo da Assistência à Família, executado nos Cras, onde são atendidas pessoas que se encontram em extrema pobreza, incluindo os grupos mais vulnerabilizados. A meta do projeto é fortalecer os vínculos familiares, assegurar maior participação e acessos dos mais pobres aos benefícios e serviços sociais prestados pelo governo, a partir da capacitação das equipes de referência dos Cras, tanto as de nível médio e superior, e do acompanhamento e monitoramento das famílias atendidas. O foco são as famílias na extrema pobreza, com filhos de zero a seis anos de idade.

“Esse projeto é uma forma do Estado ficar ainda mais próximo das pessoas que se encontram em situação de vulnerabilidade social e prestar um serviço de assistência que priorize o valor humano acima de tudo, atendendo cada família e cada criança a partir de suas necessidades específicas”, acrescenta o titular da STDS, Josbertini Clementino.

Leia mais: Cras é inaugurado em Saboeiro 
Leia mais: Idosos tem programação específica na Escola de Educação de Trânsito do Detran

Serviço

Data: 18 a 22 de julho de 2016
Horário: abertura às 9h desta segunda-feira, 18
Local: Av. Beira Mar, 2.500, Meireles

15.07.2016

Assessoria de Comunicação Social
Secretaria do Trabalho e Desenvolvimento Social – STDS
Jornalista responsável: Carlos Eugênio
Celular: 98878.8510
Fone: 3101.2089 / 2099
E-mail: imprensa@stds.ce.gov.br
Twitter: www.twitter.com/stdsonline