Secretarias do Estado oferecem informações e serviços durante a Expocrato 2016

19 de julho de 2016 # # # # # # # # # # # #

A Expocrato 2016, principal feira do agronegócio no Estado do Ceará e um dos maiores eventos do Nordeste, chegou ao fim neste domingo (17), no Parque de Exposição Pedro Felício Cavalcante, no município de Crato, com um público de cerca de 50 mil pessoas/dia. O Governo do Ceará marcou presença na 65ª edição da exposição, através de vários stands de atendimento à população.

SDA

Durante o evento, foi realizado o Torneio Leiteiro Caprino, da Coordenadoria de Apoio às Cadeias Produtivas da Pecuária, que faz parte da Secretaria do Desenvolvimento Agrário (SDA). No stand da Secretaria também foi possível conhecer todos os projetos e ações desenvolvidos, seja no abastecimento hídrico, convivência com o semiárido e assistência para produtores.

Semace

A Secretaria do Meio Ambiente (Sema), por meio da equipe do Parque Estadual Sítio Fundão e da Semace, dividiram um stand, possibilitando que os produtores rurais e frequentadores da feira recebessem materiais educativos nas áreas de resíduos sólidos, A3P, educação ambiental e Unidades de Conservação. Com a Semace, os visitantes puderam esclarecer dúvidas sobre o Cadastro Ambiental Rural (CAR), licenciamento ambiental e denúncias contra crimes ambientais. O visitante ainda recebeu doações de mudas nativas, frutíferas e medicinais produzidas no Viveiro de Mudas do Crato.

Seapa

A Secretaria de Agricultura, Pesca e Aquicultura (Seapa) esteve presente através de seus técnicos que distribuíram panfletos informativos, divulgando todas a ações e projetos que estão sendo trabalhados pela pasta, como o programa de repovoamento picicola, “peixamento”; os encontros regionais do setor pesqueiro; o incentivo ao reflorestemento empresarial no Ceará; o incentivo do uso e manejo da palma forrageira; os projetos de assistência técnica e extensão pesqueira, dentre outros.

STDS

Cerca de cinco mil produtos em fibra vegetal, madeira, couro, papel, fios e tecidos foram expostos e comercializados no estande de 100 m² da Central de Artesanato do Ceará (Ceart), coordenada pela Secretaria do Trabalho e Desenvolvimento Social (STDS). O público teve acesso a um dos artesanatos mais ricos do Brasil produzido por artistas de 47 grupos produtivos da região do Cariri. O Ceará reúne cerca de 100 mil artesãos, dos quais 45 mil estão cadastrados na STDS, por meio do Programa de Desenvolvimento do Artesanato do Estado do Ceará.

SPD

Criada pelo governo Camilo Santana há pouco mais de um ano, a Secretaria Especial de Políticas sobre Drogas (SPD), que atua nos eixos de prevenção, acolhimento e tratamento e reinserção social e profissional de usuários de drogas, também marcou presença na exposição. Com stand e uma unidade móvel, houve a distribuição de material informativo sobre programas e projetos desenvolvidos pela pasta em todo o Estado. Profissionais especializados também prestaram informações e orientações sobre a prevenção às drogas, além de realizar encaminhamentos para a Rede de Atenção Psicossocial, quando necessário.

De acordo com a secretária Especial de Políticas sobre Drogas, Aline Bezerra, os programas de prevenção da SPD já chegam a 25 municípios do Ceará. Na região do Cariri, a Secretaria está presente nos municípios de Juazeiro do Norte, Crato, Barbalha e Jardim. A expectativa da SPD é de estender os programas para todos os municípios da região.

Adagri

A Agência de Defesa Agropecuária do Estado do Ceará (Adagri) participou intensamente da exposição na fiscalização dos animais que adentravam o Parque de Exposição Pedro Felício Cavalcante. Os médicos veterinários se revezavam dia e noite, verificando se os mesmos eram acompanhados pela GTA – Guia de Trânsito Animal e se estavam sadios, evitando, assim a contaminação dos demais animais presentes na Expocrato.

Cerca de 15 mil animais foram vistoriados pelos técnicos da Adagri, entre bovinos, ovinos, equinos e aves. De acordo com o coordenador de Sanidade Animal da Adagri, Milton de Carvalho Neto, a equipe de fiscais da Agência, durante a recepção dos animais, aferiu as guias de trânsito, os documentos de comprovação de exames, além de realizar a inspeção clínica visual das condições de saúde dos animais. Milton acrescentou ainda, que também foi verificada a sanidade vegetal de palmas, utilizadas na alimentação dos animais, e das mudas, comercializadas durante o evento.


SSPDS

A Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social do Estado do Ceará (SSPDS), e suas vinculadas, Polícias Civil e Militar, Corpo de Bombeiros e Perícia Forense, montaram um stand com exposição de armas, uniformes, materiais de controle de distúrbios civis, veículos, entre outras coisas. No evento, as pessoas também puderam conhecer o trabalho da Divisão de Proteção ao Estudante da Polícia Civil (Dipre), responsável por desenvolver diversas ações preventivas de combate à violência; prevenção do uso indevido de drogas e álcool. Os policias também apresentaram vídeos e fotos relacionadas às atividades da Dipre. Policiais da Delegacia de Combate a Exploração da Criança e Adolescente (Dececa) realizaram a distribuição de panfletos ilustrativos relacionados aos crimes de exploração sexual da criança e do adolescente.

18.07.2016

Thiago Sampaio
Repórter / Célula de Reportagem