Lei Maria da Penha: Ato político e cultural movimenta Beira Mar

8 de agosto de 2016

A avenida Beira Mar, em Fortaleza, recebeu um momento único no último domingo (7). O Ato Político e Cultural dos 10 Anos da Lei Maria da Penha foi mais um passo na celebração das conquistas da legislação, fortalecimento da luta das mulheres e promoção da equidade de gênero. Com o tema “Uma Vida Sem Violência é Direito de Todas Nós”, o encontro, promovido pelo Governo do Ceará, através da Coordenadoria Especial de Políticas Públicas para as Mulheres e do Conselho Cearense dos Direitos das Mulheres, em parceria com o Instituto Maria da Penha, contou com a presença de centenas de pessoas, que dançaram, cantaram e sorriram ao som de apresentações artísticas.

r MG 1131Inspiradora da Lei que leva seu nome e símbolo na luta pelo fim da violência contra a mulher, a cearense Maria da Penha, muito aplaudida pelo público presente, falou da importância em se continuar as conquistas. “Demos passos importantes no enfrentamento à violência contra a mulher, devemos continuar construindo políticas públicas capazes de levar proteção e empoderamento às mulheres que vivem nos municípios mais afastados dos centros urbanos, com especial atenção àquelas que moram nas áreas rurais”.

Para Camila Silveira, coordenadora de Políticas para as Mulheres do Governo do Estado do Ceará, eventos como este têm o papel de promover a transformação de corações e mentes, desconstruir valores machistas e semear o envolvimento de todas as gerações pela igualdade de mulheres e homens em todas as esferas sociais.

r MG 1087A assistente social Edilene Silva, que foi testemunha de violência doméstica durante a infância, comentou que a lei fez com que as pessoas passassem a repudiar cada vez mais a violência contra a mulher. “Antes, nossa dor era calada pela vergonha e omissão. Hoje, nos sentimos cada vez mais encorajadas a denunciar, pois a lei nos trouxe instrumentos capazes de fazer valer nossos direitos”.

O ato também contou com as presenças da OAB Mulher, Coletivo de Mulheres de Pernambuco, Coordenadoria Municipal de Políticas para as Mulheres de Fortaleza, delegadas das Delegacias de Defesa da Mulher e União da Juventude Socialista.

A Lei de todas as Marias

A Lei 11.340/06, Lei Maria da Penha, cria mecanismos para prevenir, punir e erradicar a violência doméstica e familiar contra a mulher, assegurando as condições para o exercício efetivo dos direitos à vida, à segurança, à saúde, à alimentação, à educação, à cultura, à moradia, ao acesso à justiça, ao esporte, ao lazer, ao trabalho, à cidadania, à liberdade, à dignidade, ao respeito e à convivência familiar e comunitária.

Fotos: Max Marduque

05.08.2016

Rodrigo Cavalcante
Articulador
Coordenadoria Especial de Políticas Públicas para as Mulheres
Gabinete do Governador
(85) 3133.3726 / 98871.0291

Expediente imprensa2-01