Mensagem que cria a Delegacia de Repressão ao Crime Organizado é enviada à AL

10 de agosto de 2016

O Governo do Ceará enviou para a Assembleia Legislativa, nesta terça-feira (9), Projeto de Lei que institui a Delegacia de Repressão ao Crime Organizado (Draco). A mensagem cria ainda cargos destinados a compor a estrutura organizacional da delegacia especializada, vinculada à Polícia Civil.

WEB MVS9558A medida visa a intensificar as ações contra grupos que buscam a articulação de crimes no Estado. A estrutura vai contar com o apoio dos órgãos de inteligência do Estado e dos municípios; além da União e de outros estados brasileiros.

O delegado geral da Polícia Civil, Andrade Júnior, explica que a nova unidade vai melhorar consideravelmente o trabalho já desenvolvido na área. “A Draco é uma delegacia que vai centralizar todas as informações relacionadas ao crime organizado. Todas as delegacias especializadas possuem investigações, conforme suas WEB MVS9539especificidades, sobre associações criminosas. A Draco terá a função de reunir e centralizar essas informações, além de trabalhar em conjunto com o Grupo de Atuação Especial de Combate às Organizações Criminosas (Gaeco), do Ministério Público, e a Secretaria de Justiça e Cidadania (Sejus)”.

A nova delegacia vai contar com o trabalho de profissionais já especializados, que desenvolvem a repressão ao crime organizado nas áreas de inteligência em diversas delegacias da Polícia Civil. Os policiais serão substituídos nas funções que exercem atualmente pelos novos policiais nomeados pelo recente concurso da Polícia Civil.

A Mensagem vai tramitar na Casa e, caso aprovada em votação no Plenário, passa a vigorar a partir da sanção do governador Camilo Santana e publicação no Diário Oficial do Estado (DOE).

10.08.2016

Ciro Câmara
Gestor de Célula / Secretarias

Fotos: Marcos Studart / Governo do Ceará

Expediente imprensa2-01