Memória e Verdade: Governo do Ceará promove ações em agosto

11 de agosto de 2016

Com o objetivo de resgatar a memória política brasileira, preservando conhecimento para as futuras gerações, o Governo do Ceará promove, durante o mês de agosto, ações voltadas ao tema Memória e Verdade.

As ações idealizadas pela Célula de Educação em Direitos Humanos, da Coordenadoria Especial de Políticas Públicas em Direitos Humanos, do Gabinete do Governador (COPDH), e fruto da parceria com diversas entidades governamentais e não governamentais, buscam apresentar o tema da memória e da verdade sob a ótica dos que tiveram seus direitos violados durante a vigência do Regime Militar.

A programação consiste em exibição de filmes, aulas de campo, exposições fotográficas, palestras, além de uma programação especial de filmes e documentários exibida na TV Ceará.

Para Demitri Cruz, coordenador Especial de Políticas Públicas dos Direitos Humanos do Ceará, ter um mês dedicado ao tema da memória e da verdade contribui para que as pessoas vivam de fato a história e saibam que o Ceará possui uma memória rica e viva de resistência às violações humanitárias. “A programação marca o início de um ciclo de ações permanentes que visam dar visibilidade de historias de resistência do povo cearense, não somente no que se refere à Ditadura Civil-Militar, mas a todo o período de construção do nosso Estado”, destaca.

Um dos pontos altos da programação será o projeto “Percursos da Memória e Verdade”. O trajeto consiste em uma aula de campo guiada. Durante todo o caminho o estudante conhecerá a história da Ditadura Civil-Militar no Ceará, por meio dos lugares de memórias relacionados ao tema. O percurso será orientado por um estudioso do tema e de uma ex-perseguido político.

A ação se desenvolve por meio da COPDH; em parceria com a Secretaria de Justiça e Cidadania (Sejus), através da Comissão Estadual de Anistia Wanda Sindou; Museu do Ceará; Arquivo Público do Estado do Ceará; Museu da Imagem e do Som; TV Ceará; Secretaria Estadual da Educação (Seduc); Secretaria da Cultura de Fortaleza (Secultfor); Instituto Frei Tito de Alencar; Comitê Memória, Verdade e Justiça; Aparecidos Políticos; Associação dos Juízes pela Democracia; Comissão de Anistia do Ministério da Justiça; Movimento de Justiça e Direitos Humanos; Associação 64/68 intervenção do artista plástico Grud.

Confira a programação

11/8 – Quinta-feira

16:30 – Exibição de Filmes

Filme: “Dom Fragoso”

Local: Cine Teatro São Luís

Entrada franca

18:00 – Homenagem ao cineasta Francis Vale

Filme: Francis Vale encontrando amigos

Local: Cine Teatro São Luís

Entrada franca

*Participarão de diversos artistas e personalidades que conviveram com Francis Vale ao longo de sua trajetória profissional.

15/8 – Segunda-feira

19:00 – TV Cine Dragão especial Memória e Verdade

Filme: Subversivos, de Felipe Barroso

Local: Sala 2 do cinema do Dragão

*Após a sessão, haverá debate na sala de cinema com o diretor do filme e alguns dos ex-presos políticos que fizeram parte do documentário.

19/8 – Sexta-feira

18:00 – Celebração e intervenções em memória de Frei Tito

Local: Rua Rodrigues Júnior, 334

Entre Costa Barros e Santos Dumont

*Ato com a presença de vários religiosos. Em paralelo a celebração intervenções artísticas.

Período: 22 a 27/8

Programação Especial Memória e Verdade TVC

*  mais detalhes em breve em www.tvceara.ce.gov.br

23/8 – Terça-feira

16:30 – Palestra Operação Condor

Local: Museu do Ceará – Rua São Paulo, 51 – Centro,

Palestrante convidado – Jair Krischke

Ativista dos direitos humanos no Brasil, Argentina, Uruguai, Chile e Paraguai. Veterano lutador contra o terrorismo de Estado na América do Sul, Jair Lima Krischke preside o Movimento de Justiça e Diretos Humanos (MJDH), sediado em Porto Alegre. Foi colaborar funcionário do Alto Comissariado das Nações Unidas para Refugiados (ACNUR), ele teve atuação decisiva no deslinde do sequestro dos uruguaios Universindo Díaz e Lilian Celiberti por militares do país vizinho em conluio com autoridades brasileiras, ocorrido em 1978, na capital gaúcha. De lá para cá, investigou e registrou vários casos semelhantes, compondo, a partir deles, um valioso arquivo.

18:30 – Abertura da Exposição Memórias Reveladas

Local: Museu do Ceará

Rua São Paulo, 51 – Centro,

A exposição Memórias Reveladas: as lutas políticas no Ceará(1964-1985), é uma parceria do Arquivo Público do Estado do Ceará e Museu do Ceará. Os acervos que serão expostos são de custódia do Arquivo Público e os processos para montagem da exposição também estão sob a responsabilidade do Arquivo Público do Estado do Ceará.

24/8 –  Quarta-feira

11:00 – Programa de rádio dedicado ao tema da Memória, Verdade e Justiça – com participação de Jair Krischke

Transmissão Rádio Universitária – 107,9 FM

Programa Rádio Debate. Todos os meses o Programa Rádio e Debate da Rádio Universitária, dedica um programa especial ao tema Memória, Verdade e Justiça. Iniciativa pedagógica do Instituto Frei Tito.

14:00 – Exibição do filme “Imagens do Estado Novo”

Local: Cine Teatro São Luís

Rua Major Facundo, 500

19:30 – Lançamento do Livro Resistência ao golpe 2016

Local: Cine Teatro São Luís

Rua Major Facundo, 500


25/8 – Quinta-feira

08:00 – Percurso Memória e Verdade

Local de saída:

Colégio Estadual Liceu do Ceará

Horário de retorno : 12:00

*O percurso será conduzido pela Articuladora da Célula de Educação em Direitos Humanos da Coordenadoria Especial de Políticas Públicas dos Direitos do Gabinete do Governador, Lúcia Alencar e pelo professor da Universidade Federal do Ceará Davi Oliveira.

19:00 – Palestra do ciclo temático em Direitos Humanos

Ditadura Militar

Palestrantes: Ex-presos políticos Prof.Valter Pinheiro, Prof. Machado e o jornalista Paulo Verlaine

Local: DeVry Fanor – Av. Santos Dumont, 7800

Dia 26/8 – Sexta-feira

08:30 – Palestra: Anistia – Memória, Verdade, Situação e perspectivas

Palestrante: Dr.  José Carlos Moreira da Silva Filho – vice presidente da Comissão de Anistia  do Ministério da Justiça

Local: Auditório da Secretaria da Justiça e Cidadania (SEJUS)

Rua: Tenente Benévolo, 1055 – Praia de Iracema

09:00 – Diálogos no Liceu

Palestra: Resistência a Ditadura Civil Militar no Liceu do Ceará

Palestrantes: Ex- alunos do Liceu, Prof. Valter Pinheiro, Prof. Machado e o Educador Honório Silva

Local: Colégio Liceu do Ceará

R. Liberato Barroso, S/n – Jacarecanga

12:00 – Homenagens póstumas a Tarcísio Leitão de Carvalho e a Antônio de Pádua Barroso

Local: Clube Náutico – Av. da Abolição, 2727

Promoção: Sociedade dos Poetas Vivos

Tarcísio Leitão era advogado trabalhista , vereador cassado por confrontar a ditadura militar, preso e levado para Fernando de Noronha e membro histórico do PCB-Ce. Pádua Barroso era advogado com atuação destacada na defesa de presos e perseguidos políticos durante a ditadura militar.

Dia 29/08 – Segunda-feira

09:30 – Lançamento do Cordel: Os tormentos de Valéria

Local: Liceu do Ceará – Rua Liberato Barroso, s/n – Jacarecanga

Autor: Francisco Otávio de Menezes – Pesquisador, historiador e Diretor do arquivo intermediário – Arquivo Público do
Estado do Ceará

Apresentação do cordel: Oswald Barroso – Professor da UECE, Escritor, poeta, teatrólogo e  folclorista       

10:00 – Julgamento do Processo de Anistia Estadual de Vera Rocha Pereira

Sessão da Comissão Especial  de Anistia Wanda Sidou

Vera Rocha foi líder estudantil do Liceu do Ceará na década de 1960. Era do CESC. Perseguida no Ceará, presa no Recife, posteriormente fez parte dos 70 guerrilheiros libertados e banidos do Pais em troca de um embaixador.

Foto: José Wagner / Governo do Ceará

11.08.2016

Ana Carolina Carvalho
Coordenadoria Especial de Políticas Públicas em Direitos Humanos
Gabinete do Governador
3133.3717 / 3133.3718

Expediente imprensa2-01