Governo do Ceará realiza 4º Seminário do Selo Ceart

19 de agosto de 2016

O seminário contará com a presença da primeira-dama do Estado, Onélia Leite Santana

 

A primeira-dama do Estado, Onélia Maria Leite de Santana, participa neste domingo (21), em Barbalha, de mais um Seminário do Selo Ceart (Certificação da Autenticidade dos Produtos Artesanais e do Reconhecimento das Obras de Arte Popular Cearenses), promovido pela Secretaria de Trabalho e Desenvolvimento Social (STDS) através da Central de Artesanato do Ceará (Ceart), com a presença de artesãos e representantes de entidades artesanais. Fortaleza, Juazeiro de Norte e Sobral já receberam o seminário.

O Selo Ceart é uma certificação voluntária que tem como objetivos estimular a melhoria dos processos produtivos, elevar o padrão de qualidade e a busca pela excelência dos produtos. É mais um serviço prestado aos artesãos cearenses para aumentar a competitividade dos produtos artesanais e ainda o reconhecimento das obras de arte popular, a partir da observação dos requisitos que garantam autenticidade, especialmente sua identidade cultural e excelência.

A coordenadora do Programa de Desenvolvimento do Artesanato do Estado, Amanaci Diógenes, considera a implementação da certificação um marco importante na consolidação da Política Estadual de Desenvolvimento do Artesanato. “O Selo Ceart é uma estratégia estabelecida pelo Programa de Desenvolvimento do Artesanato para ampliação dos canais de comercialização através da oferta ao mercado de produtos com garantia de qualidade, de procedência e de respeito aos aspectos da sustentabilidade”, destacou a coordenadora.

Entre os benefícios do Selo Ceart estão a garantia da autenticidade da produção artesanal e o reconhecimento das obras de arte popular; a consolidação canais de comercialização e ampliar mercados; o aumento da competitividade da produção artesanal; diferenciação dos produtos artesanais das peças elaboradas industrialmente, reconhecendo seu valor de tradição e cultura; proteção do artesanato cearense da falsificação e da concorrência desigual de produtos similares, além da promoção da confiança do consumidor facilitando a identificação do artesanato cearense.

Além do Selo Ceart, o governador Camilo Santana assegurou ao artesão cearense a isenção fiscal do ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços) tanto para vendas ao consumidor final como para os lojistas, em todo o Estado. Além da realização de feiras e capacitações de artesãos para aperfeiçoar o design do produto, a construção do novo Centro de Rendeiras da Prainha e a abertura de uma nova loja na Praça Doutor Carlos Alberto Studart Gomes (Praça das Flores), em Fortaleza, que será inaugurada em breve. O Governo do Estado mantém ainda mais cinco lojas da Ceart.

Serviço

Seminário do Selo Ceart em Barbalha

Data: 21/08/16
Horário: 9 horas
Local: Sítio Coité, em Barbalha

Expediente imprensa2-01