Praia Acessível: Crianças e idosos com deficiência se emocionam ao entrar no mar pela primeira vez

19 de agosto de 2016

O projeto do Governo do Ceará promove acessibilidade de pessoas com deficiência e com mobilidade reduzida às praias

 

 ARI1007 1O sorriso estampado no rosto da decoradora de festas Ruth Verçosa, de 48 anos, já adiantava o sentimento de orgulho e felicidade por trazer pela primeira vez a sua filha Ane Verçosa, de 20 anos, diagnosticada com síndrome de West, para o projeto Praia Acessível, na Praia de Iracema, em Fortaleza. Na manhã ensolarada desta sexta-feira (19), a dona Ruth e cerca de outras 50 pessoas, entre idosos, pessoas com deficiência e familiares da cidade de Maracanaú, estiveram acompanhadas da primeira-dama do Estado, Onélia Leite Santana, participando de diversas atividades oferecidas pelo projeto.

 ARI1138Idealizado pelo Governo do Ceará, através da Coordenadoria Especial de Políticas Públicas para os Idosos e as Pessoas com Deficiência, o projeto é executado em parceria com a Prefeitura de Fortaleza e tem como objetivo promover acessibilidade de idosos, pessoas com deficiência e com mobilidade reduzida às praias. “Nós estamos muito felizes com a grande adesão que as pessoas estão tendo com iniciativa. Estamos vendo que todos os cearenses, de diversos municípios, têm se mobilizado e organizado para participar do Projeto e a resposta é imediata. São crianças, adolescentes e idosos com deficiência que se mobilizam e percebem a beleza e o prazer de interagir com a natureza. A satisfação é sentida nos olhos e não há palavras para descrever tanta emoção”, comentou a primeira-dama do Estado, Onélia Leite.

 ARI1040A iniciativa oferece espaço de lazer com esteira de acesso e cadeiras anfíbias, que possibilitam o acesso desse público ao mar. O local ainda conta com estrutura para vôlei e frescobol adaptados, piscinas, cadeiras e mesas cobertas, banheiro acessível e itens de segurança. O projeto funciona de quarta a domingo, de 9h às 14h, e no período de alta estação (janeiro, julho e dezembro) o funcionamento se estende de segunda a domingo.

 ARI1175Segundo Rebecca Cortez, coordenadora Estadual da Política da Pessoa Idosa e Pessoa com Deficiência do Governo do Ceará, o programa tem beneficiado várias pessoas de diversos municípios do Ceará, ajudando na socialização. “Hoje, estamos recebendo um grupo de Maracanaú que , muitos deles, nunca puderam vir e ver a praia, mesmo morando tão próximos em relação a outras cidades. É um projeto pensado para dar o acesso livre ao lazer, oferecendo socialização e contato direto natureza para todos os cearenses. A emoção sentida por eles é transmitido para nós de imediato. Por isso, a procura está muito grande e temos diversos agendamentos com muitas instituições. Porém, lembramos que o atendimento é aberto para todas as pessoas que precisem de algum tipo de acessibilidade e recursos humanos”, adiantou a coordenadora.

Para Ruth Verçosa, que acompanha a rotina da filha que tem microcefalia e Síndrome de West, a ida à praia pela primeira vez com a filha é indescritível. “Eu soube da ação do Governo do Ceará, através das notícias que foram anunciadas, e essa é a primeira vez que venho. Estou achando tudo muito bom e gratificante. É uma oportunidade única para muito dessas crianças, jovens e adultos que não tem a oportunidade de entrar na praia sozinhas. Minha filha adora água, mas essa é a primeira vez que vem a praia e entra no mar. Nossa! Uma emoção única nas nossas vidas. Recomendo a todos que venham. Dos profissionais aos equipamentos, tudo de muito bom gosto e com total atenção.

Dados

Segundo dados do Censo 2010 do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas (IBGE), são 2.340.150 pessoas com deficiência no Ceará, sendo 27,69% da população residente no Estado que possui algum tipo de deficiência. Ainda de acordo com a pesquisa, existem quase 840 mil idosos, o que representa 10% da população cearense. Os dados foram a referência para a idealização do projeto que já marca cerca de 600 atendimentos realizados nos cinco meses de projeto.

19.08.2016

Wilame Januário
Repórter / Célula de Reportagem

Fotos: Ariel Gomes  / Governo do Ceará

Expediente imprensa2-01