Prevenção às drogas: desfiles cívicos contarão com pelotões do Juventude em Ação

5 de setembro de 2016

Independência também quer dizer ficar longe das drogas e manter uma vida saudável. É o que pensam e pretendem difundir junto a toda a comunidade de seus municípios os estudantes de 10 escolas de ensino médio da rede pública do Estado que estão sendo beneficiados com o programa de prevenção às drogas Juventude em Ação (JA). A iniciativa é desenvolvida pela Secretaria Especial de Políticas sobre Drogas (SPD).

Na Semana da Pátria, em comemoração à independência do Brasil, os alunos vão às ruas. Eles aproveitarão os desfiles de 7 de setembro em seus municípios para transmitir mensagens de prevenção às drogas. Distribuídos nos pelotões do Juventude em Ação, os estudantes usarão faixas, cartazes e adereços coloridos para ressaltar que somente com a verbalização de problemas/sofrimentos/dilemas/preocupações é que se pode compreendê-los com maior clareza, em especial no âmbito da prevenção à dependência química e promoção da saúde.

A programação envolverá alunos dos seguintes municípios: Beberibe (EEMs Ana Facó e Francisca Moreira), Maranguape (EEEP Salberga), Várzea Alegre (EEEP Dr. José Ivan Costa), Itapipoca (EEM Murilo Serpa e EEEP Rita Aguiar), Acopiara (EEEP Alfredo Nunes de Melo), Crato (EEFM Polivalente Adauto Bezerra), Cedro (EEEP Iran Costa), Icó (EEEP Dep. Dr. José Walfrido Monteiro), Massapé (EEFM Wilebaldo Aguiar e EEEP Francisca Neilyta Carneiro Albuquerque), Redenção (EEEP Adolfo Ferreira de Sousa) e Eusébio (EEEP Eusébio de Queiroz).

A Passeata da Prevenção constitui-se numa das ações inseridas no JA, que engloba sete etapas, numa movimentada ciranda de prevenção. Em 14 escolas, os alunos resolveram incluir a ação no desfile de 7 de setembro numa forma de alcançar ainda mais visibilidade à iniciativa. O JA se desenvolve a partir do jogo Na Trilha da Prevenção, um atividade lúdico-pedagógica onde os jovens são convidados a interagir de maneira acolhedora / respeitosa para pensar, criticamente, sobre a temática da prevenção e outras inquietações e desafios do cotidiano.

Coordenadora do Sistema Integrado de Prevenção (SIP) / Juventude em Ação da SPD, a psicóloga Miriam Barreto, explica que o aprendizado dos jovens é fortalecido e ampliado a partir do avanço de cada ‘casa’ no tabuleiro do jogo, que corresponde a uma reflexão sobre a dinâmica do macro-contexto da prevenção e perpassa pelas opiniões e vivências dos jogadores num exercício dialógico e cooperativo, tendo como base as habilidades para a vida. Os frutos da vivência com o jogo são transportados para diferentes expressões artísticas, como redação, cartaz, dança, jingle e outros. Esse exercício valoriza as potencialidades de expressão dos estudantes, encorajando-os a se tornarem sujeitos proativos e colaborativos na prevenção ao uso de drogas.

Em sua segunda fase de implementação, o JA está alcançando 28 estabelecimentos de ensino médio distribuídos em 16 municípios cearenses. Cerca de 16 mil estudantes estão sendo beneficiados. A secretária Especial de Políticas sobre Drogas, Mirian Sobreira, destaca que a expectativa é de levar o programa Juventude em Ação, paulatinamente, para escolas da rede pública estadual de todos os municípios do Ceará.

05.09.2016

Fernando Brito
Repórter

Daniela Negreiros
Assessora de Comunicação da Secretaria Especial de Políticas sobre Drogas (SPD)
(85) 3238.5090 / 98902.7939 – comunicacao@spd.ce.gov.br / daniela.negreiros@spd.ce.gov.br