Jovens dos Centros Socioeducativos do Ceará participam do Enem

4 de novembro de 2016

As unidades socioeducacionais estão desenvolvendo aulas preparatórias para os jovens que vão participar do Exame Nacional do Ensino Médio

Os Centros Socioeducativos do Ceará, vinculados à Superintendência de Atendimento Estadual Socioeducativa(Seas), receberão por meio da Secretária de Educação do Ceará (Seduc) as provas do Exame Nacional de Ensino Médio para pessoas privadas de liberdade (Enem PPL). Ao todo, 65 jovens estão inscritos e participarão do exame, que ocorrerá nos dias 13 e 14 de dezembro.

Pela primeira vez, sete unidades socioeducativas receberão as provas. Participarão da avaliação 4 jovens do Centro Socioeducacional Patativa do Assaré (Cepa); 37 do Centro Educacional Cardeal Aloísio Lorscheider (Cecal); 5 do Centro Educacional Aldaci Barbosa Mota; 5 do Centro Educacional São Miguel; 4 do Centro Educacional Dom Bosco; 9 da Unidade de Semiliberdade de Sobral e 1 da Unidade de Semiliberdade de Crateús.

Serão quatro provas no mesmo modelo do Enem regular, no primeiro dia serão aplicadas os exames nas áreas de conhecimento de ciências humanas e de ciências da natureza; e no último dia será a vez de linguagens, códigos e suas tecnologias, redação e matemática.

Para o assessor técnico da coordenadoria de diretrizes da Seas, Eduardo Ferreira, o Enem PPL é uma oportunidade de adequação educacional para esses jovens, que muitas vezes entram nas unidades com histórico de abandono escolar. “O Enem é a oportunidade de progressão de ensino que a maioria desses jovens não tinham, já que por ser maiores de 18 anos podem obter o certificado de conclusão do ensino médio”.

A nota do exame pode ser usada para os jovens obterem o certificado do ensino médio através dos cursos de Educação de Jovens e Adultos (EJA), que é oferecido nas unidades socioeducativas.

Além de ser uma oportunidade de mudarem suas vidas entrando em uma universidade, os jovens ainda podem ser beneficiados segundo a avaliação do juiz da infância e da juventude, com a progressão de um regime fechado para o semi aberto (semiliberdade) e até mesmo a liberação.

04.11.2016

Governo do Estado do Ceará
Superintendência do Sistema Estadual de Atendimento Socioeducativo.
Lígia Duarte
Assessoria de Comunicação
(85) 3216-3716/3216-3714