Ceasa Ceará lança aplicativo em cerimônia de 44 anos da empresa

25 de novembro de 2016

Durante a festa, foi apresentado o vídeo institucional que conta a história da Ceasa, a partir dos permissionários e daqueles que colaboraram para a construção e desenvolvimento da empresa.

 

DSCN0239 web1A Central de Abastecimento do Ceará (Ceasa-CE), vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Agrário (SDA), lançou nesta sexta-feira (25) o aplicativo Ceasa de Bolso, tecnologia que deve facilitar negociações entre toda a cadeira produtiva de hortigranjeiro no território nacional. A apresentação ocorreu durante cerimônia de 44 anos do órgão, que contou com a participação de permissionários, produtores, colaboradores, terceirizados, clientes e todos que contribuem para o desenvolvimento da empresa.

Durante a festa, foi apresentado um vídeo institucional que conta a história da Ceasa, a partir dos permissionários e daqueles que colaboraram para a construção e desenvolvimento da empresa durante os 44 anos. A Ceasa iniciou as atividades no ano de 1972 e, hoje, atinge uma população flutuante de 25 mil pessoas, 20 mil postos de trabalho e uma movimentação de mais de 1 bilhão por ano.

A cerimônia contou ainda com a entrega de troféus em homenagem aos permissionários e colaboradores do entreposto de Maracanaú. Foram agraciados duas empresas com maior volume de comercialização, dois permissionários mais antigos, o terceirizado mais antigo, o ex- presidente Reginaldo Costa Moreira e o atual presidente e também colaborador mais antigo da Ceasa, Clóvis Lima Ferreira.

No evento, que iniciou com a apresentação da Banda Municipal de Maracanaú e teve e serviços de saúde, estiveram presentes o Secretário do Desenvolvimento Agrário, Dedé Teixeira; o presidente do Instituto de Planejamento de Fortaleza (Iplanfor), Eudoro Santana; o presidente do Instituto Agropólos, Maximiliano Medeiros; o Secretário Municipal de Saúde de Maracanaú, Torcápio Vieira; o representante da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Ceará (Ematerce), José Bartolomeu Cavalcante; e o presidente da Ceasa Ceará, Clóvis Lima Ferreira.

Ceasa 44ª anos de história

A empresa de economia mista cujo maior acionista é o Governo do Estado do Ceará tem como objetivo centralizar a distribuição de hortigranjeiros e outros alimentos (cereais, carnes, laticínios, pescado, carnes, ovos e atípicos). Atualmente, a Ceasa conta com três unidades distribuídas nos municípios de Maracanaú, Tianguá e Barbalha que movimentam cerca de R$ 1,4 bilhão por ano.

Ao longo dos anos a Ceasa cresceu e se desenvolveu em seus diversos setores. Hoje possui nos seus 290 mil m2, 9 galpões permanentes, 7 não permanentes, 450 lojas/boxes/lanchonetes e 2.580 módulos de comercialização, além de duas estruturas cobertas, um galpão frigorífico e um galpão com produtos atípicos. Todos com controle de higiene, qualidade dos produtos e transparência de preços.

Seu espaço é ocupado por 1.200 permissionários e autorizados, 428 produtores cadastrados, 520 carregadores, 200 atacadistas de origem, 300 empresas instaladas, gerando mais de 20 mil postos de trabalho diretos e indiretos, em um espaço de 34 mil m²de espaço comercial. Os três entrepostos cearenses movimentam mais de 650 mil toneladas de hortigranjeiros por ano, sendo que 50% dos produtos ofertados são provenientes do próprio estado. O saldo, portanto, é altamente positivo.

25.11.2016

Assessoria de Comunicação da Ceasa Ceará
Karla Camila – (85) 32991701
imprensa@ceasa-ce.com.br