Seleção Brasileira de Tênis em Cadeira de Rodas Juniors visita Praia Acessível

19 de Janeiro de 2017

O Praia Acessível recebeu nesta quinta-feira (19) a visita da Seleção Brasileira de Tênis em Cadeira de Rodas Juniors. Em meio a uma semana de treinos na capital cearense, o grupo, composto por nove atletas e sete técnicos, curtiu uma manhã de lazer no projeto. A iniciativa, realizada pelo Governo do Ceará em parceria com a Prefeitura de Fortaleza e o Hotel Sonata, tem como objetivo promover acessibilidade de idosos, pessoas com deficiência e com mobilidade reduzida à praia. O Praia Acessível foi inaugurado em 31 de março de 2016 e já está próximo aos mil atendimentos.

 

A coordenadora especial de Políticas Públicas para os Idosos e as Pessoas com Deficiência do Gabinete do Governador do Estado do Ceará, Rebecca Cortez, afirma que o diferencial do projeto é possibilitar uma estrutura para o público participar de atividades esportivas e de lazer através do banho de mar assistido por profissionais, vôlei adaptado, frescobol e piscina. “Nós temos profissionais como educadores físicos e fisioterapeutas, que conseguem dar um suporte muito bom tanto para as pessoas que buscam aqui individualmente, como grupos bem específicos como esse de paratletas”, disse. “Nós estamos com o projeto há menos de um ano e já estamos próximos da marca dos mil atendimentos aqui no projeto. E cada busca, seja ela individual ou coletiva, traz um engradecimento enorme para a gente aqui do projeto e para as pessoas. Hoje nós temos aqui adolescentes de seis estados que estão encantados com o projeto e que por serem paratletas estão usufruindo do projeto na sua plenitude”, completou.

 

 MVS9634O grupo composto por nove atletas, de 12 a 18 anos, dos estados de Minas Gerais, Goiás, Distrito Federal, São Paulo, Santa Catarina e Rio de Janeiro e seus técnicos aproveitaram a manhã de lazer e elogiaram bastante o projeto. “O projeto é fantástico! Estamos adorando a iniciativa do Estado e da Prefeitura. Estamos curtindo essa manhã e depois a gente volta a treinar tudo de novo. Já estamos aqui em Fortaleza desde o domingo. O treinamento é muito intensificado e aí serve para eles espairecerem um pouco a cabeça. É necessário esse relaxamento e aí o projeto Praia Acessível está dando oportunidade de fazer isso. Se não fosse o Praia Acessível, como é que a gente ia fazer? A gente só tinha possibilidade de ir para uma piscina”, ressaltou. “Muitos que estão aqui não são do litoral. Então, a gente tem pessoas de Minas Gerais, do Distrito Federal, de Goiás, do interior de São Paulo, que não têm acesso à praia. Ou às vezes tem acesso à praia uma vez no ano e mesmo assim não é esse acesso que o projeto Praia Acessível está oferecendo pra gente”, destacou.

 

Os atletas Jucélio Torquatro, 16 anos, e a Maria Fernanda Alves, de 16 anos, que visitaram o projeto, partirão direto de Fortaleza para França e representarão o Brasil no evento mundial “Cruyff Foundation Junior Masters”, que une os oito melhores juniors do mundo para a disputa pelo título. “Eu gostei, achei muito legal, interessante, bacana. Joguei vôlei adaptado e entrei na água com a cadeira boiando. Foi legal! Entrei na água com os bombeiros, a atenção deles é bem boa”, afirmou Júcélio. Maria Fernanda também aprovou a iniciativa e espera que o projeto sirva de exemplo para outros lugares do Brasil. “Achei muito legal. Poucas praias do Brasil que têm isso e acho que a partir de agora vai começar a mudar muitas coisas. A parte da praia e tudo mais e outros lugares também podem mudar. Aí é um exemplo. Eu joguei vôlei, frescobol e agora vou pro mar na cadeira. Eu acho massa. É bom que inclui todo mundo, né? Todo mundo pode ter acesso à diversão e tal. Acho massa!”, reforçou.

 

Saiba mais

Praia Acessível funciona de quarta a domingo, de 9h às 14h, no Aterrinho da Praia de Iracema, em frente ao Hotel Sonata de Iracema. Na alta estação (janeiro, julho e dezembro), a iniciativa funciona diariamente de 9h às 14h. O projeto oferece espaço de lazer com esteiras e cadeiras anfíbias, que possibilitam o acesso do público-alvo ao mar. O local ainda conta com estrutura com tendas, estrutura para vôlei e frescobol adaptados, piscinas e banheiro acessível.

 

19.01.2017

 

Fotos: Marcos Studart / Governo do Ceará

 

Assessoria de Imprensa do Gabinete da Primeira-Dama
Déborah Vanessa
deborah.vanessa@gabgov.ce.gov.br

 

Expediente imprensa 05dez 2016-01