Semace analisará qualidade do Cadastro Ambiental Rural

26 de Janeiro de 2017

A autodeclaração dos proprietários rurais terá de ser aprovada pelos técnicos da autarquia para ser validada junto a bancos e a órgãos públicos

 

A qualidade das informações apresentadas no Cadastro Ambiental Rural (CAR) passará a ser analisada pelos técnicos da Superintendência Estadual do Meio Ambiente (Semace), depois do Treinamento sobre o Módulo de Análise do Sistema Sicar. O curso está sendo ministrado pelo Serviço Florestal Brasileiro e Universidade Federal de Lavras (MG), até sexta-feira (27), na Escola de Gestão Pública, para 13 técnicos da Unidade Gerencial do Projeto CAR/Semace de Fortaleza, Crato e Sobral.

Esta é a segunda etapa de implementação do Siscar – a primeira permite apenas o cadastramento das propriedade rurais. As informações lançadas prelos proprietários no CAR serão avaliadas pela Semace, que poderá aprovar ou não as informações fornecidas. Em caso de aprovação, o cadastro ganhará o status de ativo. Na reprovação, o proprietário será convocado a corrigir as informações, e o cadastro ficará pendente. Em casos de não atendimento, o cadastro será cancelado.

“Estes status é que vão indicar se o proprietário está apto a receber linhas de crédito e a obter outros benefícios estabelecidos na legislação pertinente ao novo Código Florestal”, afirmou a coordenadora da Unidade Gerencial do CAR, Tereza Farias. “A autodeclaração só tem valor, após a análise em que é validado”, acrescentou. As análises devem começar este semestre, mas a data depende de uma avaliação da capacidade de TI da Semace, a ser feito pelo Ministério do Meio Ambiente e pelo Serviço Florestal Brasileiro.

Importância do CAR

Todo proprietário rural é obrigado a fazer o CAR. O cadastramento é autodeclaratório e pode ser feito pela internet. Os donos de propriedade menores, de até quatro módulos rurais (unidade que varia em cada município), encontra conexão gratuita e o apoio técnico de pessoal treinado para o cadastramento nas sedes da Semace, em Fortaleza, Crato e Sobral. Prefeituras e Sindicatos de Trabalhadores Rurais também foram treinados pela Semace para fazer o atendimento.

Todas as informações sobre o CAR estão disponíveis em: http://www.semace.ce.gov.br/institucional/servicos-institucional/cadastro-ambiental-rural-car/

26.01.2017

Alberto Perdigão
Diretor da Assessoria de Comunicação – Ascom
Superintendência Estadual do Meio Ambiente – Semace
Governo do Estado do Ceará
(85) 3101-5554 – 98852-6642