Hospital São José realiza encontro para cuidadores

20 de Fevereiro de 2017

No encontro, a equipe do Hospital São José vai orientar os cuidadores sobre medicação (administração e manuseio dos remédios que foram prescritos), higiene dos pacientes (banho, limpeza de suplementos, curativos), alimentação (limpeza e acondicionamento de alimentos e sondas)

Nesta terça-feira (21), a partir das 8 horas, o Hospital São José, do Governo do Ceará, reunirá cuidadores que acompanham pacientes atendidos pelo Programa de Atendimento Domiciliar (PAD). Para garantir a qualidade e segurança no tratamento em casa, os cuidadores que, geralmente são familiares dos pacientes, vão passar por mais uma capacitação no 2º Encontro de Cuidadores do PAD do Hospital São José. “Vamos fortalecer o que já foi passado na admissão do paciente no Programa de Atendimento Domiciliar e atender às demandas e dúvidas que chegam desses cuidadores”, explica a enfermeira Janete Romão.

No encontro, a equipe do Hospital São José vai orientar os cuidadores sobre medicação (administração e manuseio dos remédios que foram prescritos), higiene dos pacientes (banho, limpeza de suplementos, curativos), alimentação (limpeza e acondicionamento de alimentos e sondas). “O encontro serve também para tirar alguns receios e medos dos cuidadores. E para a troca de experiências entre eles. A dificuldade de um, as dicas de outros…”, ressalta Janete Romão.

Há 16 anos, o Programa de Atendimento Domiciliar do Hospital São José vem acumulando belas histórias. “Tivemos alguns pacientes com expectativa de poucos meses de vida e que apresentaram evolução impressionante no tratamento perto da família. Uma prova de que o aconchego também é terapêutico”, diz a coordenadora do PAD do Hospital São José, Sílvia Tavares.

Uma dessas histórias é a de Francisco da Silva (nome fictício), 47 anos. Depois de quase um ano de internação nas enfermarias e UTI do Hospital São José para tratamento de toxoplasmose, uma doença infecciosa, também conhecida como doença do gato, Francisco agora é tratado em casa. A estrutura de acomodação especial, os equipamentos para auxílio respiratório, alimentação e medicamentos foram garantidos pelo Hospital São José, através do Programa de Atendimento Domiciliar. Tudo sob os cuidados da esposa dele, com o suporte e atendimento da equipe multidisciplinar do PAD. Além de médicos, a equipe conta ainda com enfermeiros, fisioterapeutas, assistentes sociais e farmacêuticos.

Atendimento em casa

O Programa de Atendimento Domiciliar do Hospital São José, atualmente, atende a 21 pacientes com doenças infecciosas. O tratamento em casa começa depois de uma avaliação médica e de visita prévia ao domicílio para verificação de condições básicas para os cuidados. “Nessa engrenagem, o cuidador é ator principal. Cuidar do cuidador é garantir a evolução do paciente”, ressalta a coordenadora do PAD, Sílvia Tavares.

A atenção domiciliar tem como eixo principal a “desospitalização”. Isso significa que, com a alta hospitalar, o paciente tem cuidado continuado no domicílio, sem rupturas. E são muitos os benefícios para aqueles que são acompanhados. Entre eles a redução de riscos de intercorrências clínicas como as infecções hospitalares por longo tempo de permanência de pacientes no ambiente hospitalar. Esse cuidado acontece de forma integrada às unidades de saúde e com profissionais de várias áreas da assistência.

Programação do 2º Encontro de Cuidadores do PAD – Hospital São José

8h – Acolhimento

Aferição de pressão arterial
Medição de peso e altura

8h40 – Roda de conversa sobre HIV/Aids

9h10 – Orientações sobre medicação

9h40 – Postura do cuidador

10h10 – Cuidados com a higiene dos pacientes

10h40 – Cuidado com os alimentos

11h10 – Encerramento

Serviço:

2º Encontro de Cuidadores do PAD – Hospital São José

Data: 21 de fevereiro de 2017
Horário: 8 às 11 horas
Local: Auditório do Hospital São José – Rua Nestor Barbosa, 315, Parquelândia

20.02.2017

Assessoria de Comunicação do Hospital São José
Franciane Amaral
(85) 3101­2371/ 98961-3880

Expediente imprensa 09jan 2017-01