Governo do Cerá avança nas negociações para instalação de Terminal de GNL

29 de março de 2017 # # # # # # # # # #

Na manhã deste terça-feira (28), o secretário de Assuntos Internacionais do Governo do Ceará, Antonio Balhmann, acompanhou uma comitiva sul-coreana da empresa Korea Gas Corporation (Kogas), maior empresa do setor de gás da Coreia do Sul, em visita às instalações do Complexo Industrial e Portuário do Pecém (CIPP).

A Kogas e o governador Camilo Santana assinaram, em novembro de 2016, um memorando de entendimento para o desenvolvimento de um projeto de instalação de uma unidade fixa de regaseificação da empresa, em parceria com a Companhia de Gás do Ceará (Cegás) e o Governo do Ceará, no Pecém, localizado em São Gonçalo do Amarante.

O projeto para a instalação de uma usina de regaseificação de Gás Natural Liquefeito (GNL) em terra firme no CIPP está caminhando a passos seguros, segundo o secretário Antonio Balhmann, que já projeta quando o empreendimento deve começar a ser construído. “Segundo uma prévia – o cronograma vai ser definido ainda – nós avaliamos que vai precisar de pelo menos um ano para começarmos essas obras”, afirmou.

Segundo Balhmann, o projeto representa uma infraestrutura essencial para todas as empresas que se instalarem na ZPE Ceará e será a base para avançar com o gás até o Cariri cearense no futuro, tendo a Transnordestina, em Brejo Santo, como a base da distribuição do gás para aquela região. O projeto, avaliado em U$ 600 milhões, terá capacidade total de 12 milhões de metros cúbicos de gás natural por dia, e possivelmente será desenvolvido em duas fases de seis milhões de metros cúbicos cada.

Em seguida, Balhmann participou à tarde, de uma reunião com mais de três horas de duração com as diretorias da Korea Gas Corporation (Kogas) e da concessionária Cegás, que estão à frente do projeto da usina de regaseificação. Também esteve presente, o secretário da Infraestrutura do Estado (Seinfra), Lúcio Gomes. O encontro ocorreu na sede da Cegás.

Na comitiva de coreanos que vieram ao Ceará, esteve o vice-presidente da Kogas, Su-Seog Ko, “em uma demonstração evidente de que a Kogas está querendo avançar no projeto”, avaliou Antônio Balhmann.

No início da noite, a comitiva foi recebida pelo governador Camilo Santana, no Palácio da Abolição, para dar prosseguimento as tratativas de instalação do terminal de Gás no estado do Ceará.

29.03.2017

Lorena Teixeira
Assessora de Comunicação da Secretaria de Assuntos Internacionais do Governo do Estado do Ceará
Contatos: (85) 34664920 / 999699676
www.antoniobalhmann.com.bra