Novos 631 profissionais qualificados em mais um ciclo de cursos da UTD

23 de junho de 2017 #

Cynthia Cardoso Fontenele Assessoria de Comunicação - Secitece 85 3101-6466 / 6469

Dos mais variados perfis e idades, os 631 concludentes dos cursos têm em comum a vontade de aprender e o total apoio dos professores do projeto

Com um mercado de trabalho cada vez mais competitivo, estar qualificado tem sido fundamental para quem almeja aumentar suas chances por melhores oportunidades de emprego. E mais: a qualificação é decisiva na valorização e na autoestima do profissional.

Modelo de sucesso, a Universidade do Trabalho Digital está facilitando o ingresso de novos profissionais nesse mercado tão concorrido, por meio dos seus cursos gratuitos na área de Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC).

O último ciclo de cursos da UTD foi finalizado no mês de junho e capacitou 631 pessoas. Dos mais variados perfis e idades, os concludentes têm em comum a vontade de aprender e o total apoio dos professores do projeto.

Foram 37 turmas formadas nos cursos “Iniciação Digital”, “Iniciação à Programação”, “Design Gráfico”, “Iniciação Digital para Pessoas com Deficiência Visual”, “Informática para o Mercado de Trabalho”, “Iniciação à Mecatrônica”, “Java com Banco de Dados”, “Programando com PHP Orientado a Objetos”, “Suporte e Manutenção de Computadores”, “Rede de Computadores”, “Web Design” e “Desenvolvimento de Aplicativos Mobile”.

UTD como um ‘divisor de águas’ no Ceará

Para o professor do curso “Suporte e Manutenção de Computadores”, Aroldo Morbiducci, não há atualmente uma iniciativa que chegue ao porte da UTD em relação à infraestrutura e qualidade no ensino.

“Durante minha vivência profissional que já soma 35 anos, acompanho a crescente necessidade de formação profissional e essa oportunidade que a UTD dá para seus alunos, com aulas teóricas e práticas, para mim é um diferencial, um divisor de águas no Ceará. Nunca encontrei uma instituição deste porte que oferecesse cursos de graça: literalmente os estudantes não têm custo algum, nem mesmo com material didático. Percebo também uma reincidência de alunos formados na UTD procurando fazer novos cursos aqui, o que só comprova a qualidade do projeto”, afirma o professor.

Já o professor do curso de Iniciação à Programação, Bruno Barbosa, constata que a UTD vem seguindo as tendências do mercado e da juventude. “Um dos sonhos dos jovens é o de trabalhar com tecnologia e em casa. A profissão de programador dá essa oportunidade do ofício ‘home office’ e é um ramo promissor”, diz o professor.

Junção de conhecimentos

O conteúdo programático de alguns cursos possibilita aos estudantes se engajarem na profissão ou melhorarem sua atuação em outras áreas, por meio da interação disciplinar, como é o caso do curso “Iniciação à Mecatrônica”.

“Esse curso tem como principal objetivo apresentar o universo de áreas que compõem a Mecatrônica, com conceitos básicos de eletricidade, mecânica, desenho, eletrônica e controle, visando ao engajamento do aluno em um curso técnico ou superior nesta área da tecnologia. No caso daqueles que já atuam em outras áreas, o curso mostra para eles a capacidade de interação multidisciplinar que a Mecatrônica pode proporcionar, visando à melhoria de procedimentos e processos em suas áreas de atuação”, explica o professor Leonardo Estevão.

Para o jovem estudante William Celestino, concludente do curso “Iniciação à Mecatrônica”, a UTD fez despertar a vontade de saber mais sobre a área. “Os professores estão sempre tentando expandir o máximo possível o nosso interesse e instigar nosso potencial de querer aprender mais e mais”.

A Universidade do Trabalho Digital é uma iniciativa do Governo do Ceará, através da Secretaria da Ciência, Tecnologia e Educação Superior (Secitece). As atividades estão sendo executadas através de parceria com o Centro de Treinamento e Desenvolvimento (Cetrede), instituição vinculada à Universidade Federal do Ceará.

Como participar da UTD

Os interessados devem ficar atentos ao período de inscrições no site da UTD. Para se inscrever, o candidato precisa ter idade a partir de 16 anos. As inscrições são feitas na própria sede da UTD (Rua Major Facundo, 500, 10º andar – Centro), de segunda a quinta-feira, das 8h30 às 11h30 e das 13h30 às 16h30. O candidato deve portar RG, CPF e comprovante de endereço.

Mais informações
(85) 3454-1257 / 3454-1987