Seminário discutiu a expansão do Observatório da Despesa Pública para municípios cearenses

23 de junho de 2017 #

Assessoria de Comunicação da CGE - 85 3101.3474 Flávia Salcedo - Coordenadora de Comunicação ( flavia.salcedo@cge.ce.gov.br ) Géssica Saraiva - Assessora de Comunicação ( gessica.saraiva@cge.ce.gov.br ) Camila Lins - Assistente de Publicidade ( camila.lins@cge.ce.gov.br ) Twitter: @OuvidoriaCeara Facebook: www.facebook.com/CgeCeara

O evento reuniu representantes de órgãos centrais de controle interno de oito prefeituras municipais

Foi realizado nesta sexta-feira (23), o Seminário de Expansão do Observatório da Despesa Pública – ODP.Municipal. O evento teve como objetivo promover o repasse da metodologia de trabalho utilizada pelo ODP. Ceará a representantes dos órgãos centrais de controle interno dos municípios de São Gonçalo do Amarante, Crato, Sobral, Iguatu, Caucaia, Maracanaú, Eusébio, Juazeiro do Norte.

Durante a abertura do seminário, o secretário da Controladoria e Ouvidoria Geral do Estado (CGE), Flávio Jucá, destacou a importância de pensar a atividade de controle como um dever de todos. “É preciso que passemos a pensar o controle interno como algo essencial para uma gestão pública eficiente. Para tanto, é fundamental utilizar ferramentas e mecanismos que auxiliem os gestores públicos, estaduais e municipais, no desenvolvimento dessa atividade”. O secretário ressaltou ainda a importância dos órgãos centrais de controle interno, que “devem atuar para permitir a aplicação adequada dos recursos públicos”.

O seminário de Expansão do Observatório da Despesa Pública também contou com a participação do secretário adjunto da CGE, Marconi Lemos, do superintendente da Controladoria-Geral da União (CGU) – Regional Ceará, Roberto Vieira, e da assessora jurídica da Associação dos Municípios do Estado do Ceará (APRECE), Daniela Amaral, representando o Presidente da APRECE.

O secretário adjunto da CGE, Marconi Lemos, em seu discurso de abertura reforçou que “a utilização de ferramentas de controle e tecnologia da informação, conforme proposto no Observatório da Despesa Pública, garantirá uma análise mais profunda dos dados relativos às despesas públicas. A missão do ODP é construir um vasto material que beneficiará as atividades de auditoria e controle, subsidiando os gestores públicos na tomada de decisões. Considerando as dificuldades da Administração Pública para o aumento de receitas, é necessário aumentar a eficiência na realização das despesas”.

Durante o evento, o coordenador de Ações Estratégicas da CGE, Marcelo Monteiro, apresentou o processo de implantação e a metodologia de trabalho utilizada pelo Observatório. “A realização deste seminário foi uma das etapas de implantação do ODP.Ceará exigidas pela CGU. A partir de agora, nos trabalharemos na adesão dos municípios que desejarem participar da Rede ODP. Para tanto, os municípios convidados para o seminário terão até o dia 18 de agosto para firmarem um acordo de cooperação técnica com a CGE”, explicou.

Os municípios que aderirem ao processo de implantação do ODP.Municipal e forem certificados, terão seus técnicos capacitados pela CGE, no mês de novembro.