Governo do Ceará participa na China de eventos com investidores asiáticos

15 de setembro de 2017 # # # # #

Luciana Castro Assessoria de Comunicação da Cearáportos lucianacastro.engaja@gmail.com (85) 3456.3262

O Governo do Ceará participa de uma série de eventos com investidores no continente asiático, nesta e na próxima semana. Nesta sexta-feira, o governador Camilo Santana viaja para a China para participar de uma reunião com o banco de desenvolvimento chinês para a assinatura de compromisso financeiro para o investimento de construção da refinaria, no Complexo Industrial e Portuário do Pecém ( CIPP).

Para apresentar as potencialidades do CIPP aos investidores asiáticos, a Secretaria do Desenvolvimento Econômico (SDE) e a Cearáportos já estão participando da Missão Ásia – Investimentos em Portos Brasileiros, a convite da Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil), do Governo Federal, na China (Xangai e Hong Kong) e em Singapura, de 12 a 19 de setembro. Já a A Zona de Processamento de Exportação do Ceará (ZPE-CE) participa também da Feira Internacional de Investimento e Comércio da China (CIFIT), que acontece de 18 a 21 de setembro, em Xiamen, também na China.

O titular da SDE, Cesar Ribeiro, e o presidente da Cearáportos, Danilo Serpa, apresentam o Ceará e o Porto do Pecém aos investidores asiáticos. O objetivo da missão da Apex Brasil é promover oportunidades de investimentos em portos brasileiros, especificamente atração de recursos para projetos e apresentar a empresas asiáticas alguns portos brasileiros. Além do Porto do Pecém, participam da missão o Porto do Itaqui (MA), Porto do Açu (RJ), Porto Central (ES), Porto de Belém (PA), Porto de Paranaguá (PR), Porto de Santana (AP) e Porto de Santos (SP) e Porto de São Sebastião(SP). Apenas dois desses portos brasileiros foram convidados a apresentar individualmente suas potencialidades e participar de reuniões privativas com empresas locais, entre eles o do Pecém.

Além de seminário, o evento contempla reuniões de negócios e visitas a portos de referência. O secretário do Desenvolvimento Econômico, Cesar Ribeiro, destaca que essas apresentações individuais a investidores asiáticos demonstram a importância do CIPP. Segundo ele, só em Xangai, onde acontece a primeira rodada, sete reuniões estão agendadas com investidores querendo saber sobre a operação do Porto do Pecém.

Para Danilo Serpa, presidente da Cearáportos, a participação na missão é estratégica para novos negócios. “O CIPP possui diferencias e potencialidades, como a primeira freezone (ZPE) do Brasil em operação, que podem proporcionar grandes negócios ao mercado asiático. A oportunidade de apresentar pessoalmente tudo isso aos investidores faz toda a diferença”, pontua.

Após a missão da Apex, os gestores se dividem de forma estratégica em atividades importantes para a economia do estado. O titular da SDE se junta à comitiva do governador Camilo Santana em viagem à China, enquanto o presidente da Cearáportos apresenta o Porto do Pecém em uma feira mundial sobre ZPEs.

Porto do Pecém

O Terminal Portuário do Pecém é um elo na cadeia logística do transporte marítimo e tem como um de seus objetivos viabilizar a operação de atividades portuárias e industriais integradas, imprescindíveis ao desenvolvimento de um Complexo Industrial do Pecém, assumindo por isso as características de Porto Industrial. Ele é constituído de 03 (três) piers marítimos.

Por se tratar de um terminal “off shore”, os Piers de atracação estão protegidos da ação das ondas e correntes por um quebra-mar de berma, na forma de “L” com 2.770 m de extensão. Os piers são ligados ao continente por uma ponte rodoviária que interliga o Pátio de Armazenagem às instalações de atracação de navios.