Hospital Albert Sabin recebe crianças para Operação Sorriso

27 de outubro de 2017 # # # #

Diana Vasconcelos - Assessora de Comunicação do Hias

O Hospital Infantil Albert Sabin (Hias), do Governo do Ceará, recebe pela 22ª vez a equipe da Operação Sorriso (OS) para a realização de cirurgias com enxerto ósseo. Serão 30 cirurgias em pacientes que já passaram pela correção da fissura labiopalatina, mas ainda necessitam do enxerto ósseo, procedimento mais complexo. A triagem dos pacientes ocorre no sábado (28), a partir das 8 horas, e as cirurgias acontecem de 30 de outubro a 2 de novembro, no Albert Sabin. Para participar, basta comparecer à seleção no dia 28, levando documentos de identificação do paciente e também do responsável, caso o paciente seja menor de idade.

O enxerto ósseo é um procedimento padrão para casos em que há falta de estrutura óssea próxima à gengiva em pacientes com idade a partir de sete anos, que possuem dentição mista. Esta será a primeira vez que a equipe de voluntários da Operação Sorriso fará esse tipo de procedimento, que já é realizado no Hospital Albert Sabin. A mudança se deve ao fato de o Governo do Ceará, através do Hospital Albert Sabin, ter cumprido a sua missão, não havendo mais demanda reprimida para cirurgias de correção de lábio leporino no estado. “Atualmente, os procedimentos que realizamos mensalmente, uma média de 36 cirurgias no hospital, conseguem atender a demanda, mas o enxerto ósseo é um refinamento que ainda é necessário para essas crianças”, explica a diretora geral do Hias, Marfisa de Melo Portela.

O Albert Sabin e a Operação Sorriso construíram uma parceria sólida, ao longo de 20 anos. Nos intervalos entre os programas humanitários, o hospital cuidou dos pacientes e proporcionou o tratamento complementar necessário para a reabilitação completa. “Ficamos muito satisfeitos de ver que os pacientes fissurados de Fortaleza têm uma referência e que os novos nascidos já estão sendo encaminhados diretamente ao Hias. Porque é somente assim, construindo e fortalecendo a autossuficiência local, que teremos a certeza do encaminhamento correto e poderemos mudar os polos das missões para outros locais, de forma a atingir os mais necessitados no estado”, completa Ana Stabel, diretora executiva da Operação Sorriso.

Acolhimento

Pacientes e mais um familiar que residem fora de Fortaleza poderão solicitar hospedagem gratuita no dia da seleção. Para eles, a Operação Sorriso também oferecerá transporte do local da hospedagem à instituição de saúde, além de alimentação sem custo. No mesmo dia, os 70 pacientes operados em 2016 poderão retornar para a consulta pós-operatória de um ano. Ao todo, 60 voluntários do Brasil e de outros países, como Estados Unidos e Venezuela, estarão envolvidos no programa.

Atendimento ao fissurado no Albert Sabin

O tratamento do bebê com fissura é longo e envolve vários profissionais especialistas. O Hospital Infantil Albert Sabin, da rede pública do Governo do Ceará, é referência no atendimento a crianças e adolescentes com lábio leporino e fenda palatina. O serviço é realizado pelo Núcleo de Atendimento Integrado ao Fissurado. Os pacientes são acolhidos e acompanhados por uma equipe multiprofissional, que inclui fonoaudiólogos, pediatras, psicólogos, assistentes sociais, cirurgiões plásticos, dentistas e geneticista. O Hospital Albert Sabin garante exames e consultas com especialistas para os bebês. O atendimento ocorre de segunda a sexta-feira, das 7 às 11 horas e das 13 às 16 horas.

Serviço:

Operação Sorriso
Dia de seleção dos pacientes: 28 de outubro de 2017
Horário: a partir das 8 horas
Datas das cirurgias: De 30 de outubro a 2 de novembro de 2017
Informações: (85) 3101-4214
Assessoria de imprensa: (85) 3256-1574
Local: Hospital Infantil Albert Sabin (Rua Tertuliano Sales, 544 — Vila União)