HUB: Ceará receberá 1,5 milhão de passageiros domésticos e 70 mil estrangeiros por ano

30 de outubro de 2017 # # # # # #

André Victor Rodrigues - Repórter
Carlos Gibaja, Marcos Studart e Davi Pinheiro - Fotos

A operação do hub Air France-KLM e GOL em Fortaleza trará grande impacto inicial no fluxo do turismo no Estado.

A operação do hub Air France-KLM e GOL em Fortaleza trará grande impacto inicial no fluxo do turismo no Estado. A expectativa é que, a partir de maio de 2018, o centro de conexões seja responsável por 50% dos passageiros domésticos e 23% de estrangeiros que chegam ao Ceará. Uma movimentação de 1,5 milhão de turistas ao ano através de voos nacionais e 70 mil visitantes vindos de voos internacionais. A informação foi divulgada pelo Governo do Ceará nesta segunda-feira (30), em cerimônia realizada na Residência Oficial. O projeto para concretização dos números positivos foi apresentado pelo governador Camilo Santana, pelo prefeito Roberto Cláudio e pelo diretor geral da Air France-KLM na América Latina, Jean-Marc Pouchol, e o presidente da GOL Linhas Aéreas Inteligentes, Paulo Kakinoff.

Com o hub, o Aeroporto Internacional Pinto Martins, na Capital, será centro de conexões aéreas internacional, com voos diretos para Paris (França) e Amsterdã (Holanda). Conforme apresentado no evento, serão 26 voos ofertados a mais do que atualmente no Ceará, sendo 21 da GOL diariamente e cinco do Grupo Air France-KLM por semana. Três destas viagens terão como destino Amsterdã, operados pela KLM, e dois à cidade de Paris, operados pela Joon, nova empresa da Air France.

Para atender efetivamente aos voos da Air France-KLM em Fortaleza, a malha aérea da GOL em Natal, Recife, Salvador, Belém e Manaus será adaptada. Os voos conectados entre o grupo franco-holandês e a parceira brasileira estarão disponíveis para compra nos sites da Air France e da KLM a partir da primeira semana de novembro. A expectativa é que aumente o número de destinos brasileiros servidos pelas empresas por meio de Fortaleza.

Camilo Santana destacou que o investimento a ser executado no Estado trará mais campo de capacitação e oportunidades de negócio para os cearenses. O governador disse ainda que HUB será um aliado para que o Ceará avance ainda mais no desenvolvimento econômico, através da ampliação das atividades turísticas.

“A grande economia do Ceará é o turismo. O Governo do Ceará e a Prefeitura de Fortaleza vão investir fortemente em promoção do Estado. Vamos divulgar o Ceará lá fora, na Europa, na Ásia. Poucos conhecem o Nordeste brasileiro. É importante divulgar. Quando mostramos as nossas belezas, nossas praias, as oportunidades, todos ficam encantados. Portanto é um forte investimento que estamos fazendo, e vamos fazer ainda mais para atrair turistas”, disse o chefe do Executivo.

A operação do hub Air France-KLM e GOL em Fortaleza trará grande impacto inicial no fluxo do turismo no Estado.

Conquista

A Residência Oficial foi preparada de maneira especial para o evento desta segunda-feira. Uma sala de embarque e uma cabine de avião, que comportou 800 pessoas, receberam empresários e autoridades do Estado para celebrar o novo campo de oportunidades que será aberto através da operação do hub.

Prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio agradeceu à GOL, KLM e Air France por acreditarem que haveria, do poder público, uma resposta qualificada ao investimento financeiro destinado à Cidade. O gestor municipal ressaltou que o Estado passa por momento histórico de avanço no setor e ganhará novo porte econômico e turístico após o início das conexões internacionais.

A operação do hub Air France-KLM e GOL em Fortaleza trará grande impacto inicial no fluxo do turismo no Estado.

“Toda a atenção e a prioridade estão sendo dadas para este hub. É algo extraordinário o que está sendo visto no Ceará, mas que não caiu do céu. Foi um produto de luta política, de conquista, de uma competição que foi travada de forma respeitosa por capitais brasileiras”, completou o prefeito.

Camilo Santana também chamou atenção para a contribuição social a ser proporcionada pelos investimentos impulsionados após instalação do centro de conexões. “Esse projeto tem um impacto econômico muito forte. Não queremos o Ceará apenas como o Estado mais equilibrado fiscalmente no Brasil. Queremos o Ceará que esteja em primeiro lugar na Educação, com mais justiça social. Que esses projetos econômicos tragam oportunidade para as pessoas mais pobres. Vamos capacitar a juventude, gerar mais oportunidade de emprego, de conhecimento, trazer parceiros para Fortaleza e crescer”.

Nova realidade

O CEO da GOL Linhas Aéreas Inteligentes, Paulo Kakinoff, garantiu que os executivos das companhias envolvidas na operação do equipamento em Fortaleza estão seguras de que o Ceará se tornará referência de sucesso no fluxo de voos nacionais e internacionais, pelo potencial turístico e também pela constante de investimentos captados por seus gestores.

“Nenhum outro lugar do mundo consegue oferecer essa paisagem que nós vemos aqui, a culinária, a hospitalidade. O que estamos fazendo é reforçar o exemplo positivo para transformar o Estado numa potência do Turismo”, apontou.

O dirigente da empresa brasileira revelou que a GOL também está ampliando suas operações de 38 movimentos diários para 50 movimentos diários no Aeroporto de Fortaleza. “Isso significa 2 mil assentos a mais por dia para a Cidade. Levando e trazendo pessoas para movimentar a economia do Ceará, que colhe hoje, graças às últimas gerações de seus gestores, resultados que estão acima da média nacional”.

Diretor geral da Air France-KLM na América do Sul, Jean-Marc Pouchol apontou o hub no Ceará como uma expectativa inédita para a companhia, e que abrirá portas para mais de 300 destinos no mundo inteiro. “Todo o foco do grupo está para Fortaleza hoje. Para nós esse é um projeto crucial, graças a sua magnitude. É a primeira vez que vamos lançar, na história do grupo, um destino com as duas companhias ao mesmo tempo e também com um parceiro brasileiro. Isso mostra a importância do mercado no País e neste Estado”, discursou.

As empresas enxergaram como diferenciais de Fortaleza para instalação do hub fatores como proximidade com a Europa, sendo a Capital porta de entrada para o País; posição estratégica em relação às capitais do Norte e do Nordeste; potencial de desenvolvimento da Economia e do Turismo; modernização do Aeroporto Internacional Pinto Martins.

A operação do hub Air France-KLM e GOL em Fortaleza trará grande impacto inicial no fluxo do turismo no Estado.

Fraport

Durante o evento, foi lembrado pelo governador Camilo Santana e pelo prefeito Roberto Cláudio o plano de gerenciamento da Fraport para o Aeroporto Internacional Pinto Martins. Uma das maiores gerenciadoras aéreas do mundo, a empresa alemã vai operar o aeroporto pelo período de 30 anos, com a expectativa de dobrar número de passageiros que utilizam o equipamento – atualmente cerca de 6 milhões por ano.

A previsão da Fraport é investir, no mínimo, R$ 2 bilhões na ampliação e modernização do aeroporto, dos quais R$ 600 milhões serão na etapa inicial. A meta é expandir o prédio do terminal e área de pouso até dezembro de 2019.

Aracati

A operação do hub Air France-KLM e GOL em Fortaleza trará grande impacto inicial no fluxo do turismo no Estado.

Após a cerimônia em Fortaleza, o governador Camilo Santana guiou o presidente da GOL em visita ao Aeroporto de Aracati. Durante a programação, foram ouvidos profissionais que trabalham no equipamento para detalhamentos de especificações técnicas. O objetivo do Governo do Ceará é abrir oportunidades de mais voos pelo Estado em parceria com a companhia aérea nacional.