Governo do Ceará entrega novas viaturas para a Polícia Civil

14 de novembro de 2017 # # #

Thiago Sampaio - Repórter
Carlos Gibaja - Fotógrafo

A reunião mensal de monitoramento do Programa Em Defesa da Vida, nesta terça-feira (14), na sede da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), teve um grande reforço na segurança do Estado neste mês de outubro. Logo após o encontro, o governador Camilo Santana realizou a entrega de 18 novas viaturas da Polícia Civil para atuar na capital cearense e interior, além de auxiliar o trabalho das delegacias especializadas, como de Defesa da Mulher, Defraudações e Falsificações e Tráfico de Drogas. O investimento total é de R$ 1.824.000,00.

“Essas viaturas vão rodar tanto no Interior como na Capital. Recentemente fiz uma série de entregas de veículos. Agora, estou alugando 600 novas. Trata-se de uma experiência nova, pois muitas vezes uma viatura vai para manutenção e demora muito tempo para voltar. Nesse novo sistema, se acontecer algo, em 24 horas o carro será reposto para não atrapalhar o trabalho da polícia. Estamos comprando novas aeronaves direto da Alemanha. É o que tem de mais moderno para que a polícia enfrente a criminalidade com eficiência. A polícia está agindo, trabalhando, o Estado nunca fez tanto investimento na segurança”, disse o governador.

O reforço da viaturas no modelo Jeep Renegade vem a acrescentar o pacote de 329 veículos entregues no último dia 11 de julho, sendo que 50 daquelas destinadas à Polícia Civil. Elas vão atuar nos municípios de Fortaleza, Icó, Crato, Juazeiro do Norte, Iguatu, Sobral, Quixadá, Jijoca de Jericoacoara, Acaraú e Aracati.

O chefe do Executivo destacou as peculiaridades nos números registrados durante a reunião e reforçou os investimentos na segurança. “Constatamos que entre os envolvidos em homicídio, mais de 60% das pessoas que morreram tiveram antecedentes criminais ou com envolvimento com drogas. É fato que nunca se prendeu tanta gente no Ceará! Tivemos um aumento de 20% de prisões, de quase 30% de apreensão de armas e quase 300% de apreensão de entorpecentes. Hoje mesmo anunciei que vou dobrar a quantidade de policiais civis no Ceará. Estamos colocando o Batalhão do Raio em todas as cidades com mais de 50 mil habitantes. Quase 100% dos investimentos na área são do Estado. Então, é preciso pactuação, tenho batido na tecla para repensar a legislação no país”.

Balanço da reunião

Em outubro de 2017, no Estado, os CVLIs tiveram aumento de 86% em comparação ao ano passado, subindo de 278 para 517. No acumulado do ano, o aumento foi de 51% em relação a 2016, subindo de 2789 para 4212.

Já os CVPs-1 (roubo a pessoa, roubo de documentos e outros pertences), no mês de outubro, o aumento foi de 21,3% em comparação com o mesmo mês no ano anterior, subindo de 4.438 para 5.383. No acumulado do ano, o aumento foi de 5,3% em relação a 2016, subindo de 51.167 para 53.886.

Os CVPs-2 (roubo de carga, roubo com restrição de liberdade da vítima, roubo a residência, roubo de veículo e roubo a banco), no mês de outubro, o aumento foi de 14,2% em comparação com o mesmo mês no ano anterior, subindo de 936 para 1.069. No acumulado do ano, o aumento foi de 11,9% em relação a 2016, subindo de 9.680 para 10.834.

Os números de furtos subiram 20,9% no mês de outubro, aumento de 4.410 para 5.332. No ano todo, o crescimento foi de 5,1% se comparado ao mesmo período de 2016, indo de 47.329 para 49.755.

Ouça:

O governador falou dos investimentos que o Estado vem fazendo na área da segurança.

O chefe do Executivo destacou as peculiaridades nos números registrados durante a reunião e reforçou os investimentos na segurança.