Organograma Estadual

Localização geográfica privilegiada em relação ao resto do mundo, pela proximidade com os grandes mercados
mundiais: Europa, América do Norte e Ásia. Fortaleza é não apenas a capital político-administrativa do Estado, mas
também destacado centro regional de comércio e serviços. A sua região de influência, segundo o IBGE, compreende.

ETICE

Empresa de Tecnologia da Informação do Ceará

Download
  1. DIREÇÃO SUPERIOR
    1. PRESIDENTE
  2. ÓRGÃO DE ASSESSORAMENTO
    1. ASSESSORIA JURÍDICA
    2. ASSESSORIA DE INOVAÇÃO TECNOLÓGICA
  3. ÓRGÃOS DE EXECUÇÃO PROGRAMÁTICA
    1. DIRETORIA DE CIDADANIA ELETRÔNICA
    2. ESCRITÓRIO PROJETOS
    3. DIRETORIA DE SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO
    4. GERÊNCIA DE INFRAESTRUTURA CORPORATIVA
    5. GERENCIA DE SERVIÇOS E APLICAÇÕES CORPORATIVAS
  4. ÓRGÃO DE EXECUÇÃO INSTRUMENTAL
    1. DIRETORIA DE PESSOAL E LOGÍSTICA
    2. GERÊNCIA DE MATERIAL E PATRIMÔNIO
    3. DIRETORIA DE CONTROLADORIA
    4. GERÊNCIA FINANCEIRA
  5. ÓRGÃO COLEGIADO
    1. CONSELHO FISCAL

Competências

A Empresa de Tecnologia da Informação do Estado do Ceará, tem a finalidade de prestar serviços de suporte técnico e de gestão da área de tecnologia da informação do Governo do Estado;
desenvolver novos sistemas de informação no âmbito do Governo e para o cidadão;
executar o planejamento estratégico participativo de Tecnologia da Informação – TI;
coordenar de forma articulada e integrada as ações de Governo Eletrônico com o objetivo de fomentar e viabilizara utilização da Tecnologia da Informação – TI, pelos órgãos e entidades estaduais e, em particular, da internet, na agilização dos processos administrativos internos, na obtenção de maior transparência das ações do Governo e na universalização e melhoria da qualidade dos serviços prestados ao cidadão;
realizar a gestão estratégica de Tecnologia da Informação – TI, da Administração Pública Estadual, executando as políticas de TI, definindo normas e padrões a serem observados pelos órgãos e entidades estaduais, visando assegurar compatibilidade e qualidade das informações geradas para subsidiar a tomada de decisões;
realizar análise técnica de projetos de investimentos em Tecnologia da Informação – TI, bem como acompanhar e controlar os seus gastos;
realizar estudo e identificação de soluções estratégicas e estruturantes de Tecnologia da Informação – TI;
prestar a pessoa física ou jurídica de direito privado serviços de tecnologia da informação e comunicação necessários para tornar disponíveis os serviços do Governo Estadual;
executar, mediante convênios ou contratos, serviços de tecnologia da informação e comunicação para Órgãos ou Entidades da União e dos Municípios;
realizar a gestão da infraestrutura de Tecnologia da Informação – TI, corporativa da Administração Pública Estadual, compreendendo a gerência da rede de comunicação de dados do Governo, a gerência da internet, intranet e extranet, a gerência de segurança do acervo de Tecnologia da Informação – TI, da infraestrutura corporativa, além de outras que sejam definidas, relacionadas com tecnologia da informação;
prestar os serviços de certificação digital para os órgãos e entidades da Administração Pública Estadual;
executar outras atividades que lhe forem definidas em Regulamento.

Lei nº 13.875 – DOE 07/02/2007