HGF e Hemoce realizam campanha de doação de sangue nesta quinta-feira (08)

7 de dezembro de 2011

O Hospital Geral de Fortaleza (HGF), em parceria com o Hemoce, realiza nesta quinta-feira (08), das 9h às 17h, uma campanha de doação de sangue. Uma miniestação do Hemocentro vai ser montada no hall do auditório principal do HGF.  Para doar sangue é necessário ter entre 16 e 65 anos, estar saudável e pesar mais de 50kg. É necessário apresentar um documento de identificação com foto, emitido por órgão oficial, como RG e Carteira de Habilitação.

 

O comprovante da doação é enviado para a casa do doador em 40 dias. O sangue coletado passa por vários exames, que apontam a tipagem sanguínea, eletroforese de hemoglobina e testes para hepatite B e C, sífilis, Doença de Chagas, HIV, HTLV I e II.

 

Doação

 

Após uma pré-triagem no próprio hall, os doadores voluntários serão encaminhados para triagem individual, onde passarão por uma pequena consulta. Após a consulta na triagem individual é servido um lanche aos doadores, para melhorar os níveis de glicemia e hidratação, reduzindo os riscos de problemas durante a doação. Passados 10 minutos do lanche, é iniciada a coleta, que será realizada no miniauditório Antônio de Pádua, onde serão disponibilizadas seis cadeiras de coleta. O volume máximo de sangue colhido é de 450ml e o tempo médio da coleta é de sete minutos.

 

Para o dia da doação, é recomendado que o doador não esteja em jejum, faça um repouso mínimo de seis horas na noite anterior à doação, não ingira bebidas alcoólicas nas 12 horas anteriores, evite fumar por pelo menos duas horas antes da doação e evite alimentos gordurosos.
Os homens podem doar sangue quatro vezes por ano, com intervalo mínimo de dois meses entre as doações, e as mulheres três vezes por ano, com intervalo de três meses.

 

Agência Transfusional do HGF

 

O HGF realiza mensalmente cerca de mil e quinhentas transfusões de sangue. No entanto, a reposição ainda é muito baixa. São apenas cerca de 80 bolsas de sangue repostas a cada mês. Com esta campanha, a agência transfusional do HGF espera aumentar o número de doadores voluntários e, assim, chegar a um mínimo de 150 bolsas coletadas por mês. A ideia é repetir a campanha pelo menos a cada três meses.

 

Banco de Medula Óssea

 

Quem for doar sangue nesta campanha vai ter a oportunidade de se inscrever no cadastro de doadores voluntários de medula óssea para o Registro Brasileiro de Doadores de Medula Óssea (Redome). Para se tornar um doador de medula óssea, é necessário que a pessoa tenha entre 18 e 55 anos de idade, esteja em bom estado geral de saúde e não tenha doença infecciosa ou incapacitante. Os doadores preenchem um formulário com dados pessoais e é coletada uma amostra de sangue com 10 ml.

 

Mantido pelo Instituto Nacional de Câncer (Inca), o Redome é um banco de dados com informações de possíveis doadores. Quando é localizado um doador compatível com algum dos receptores em potencial, cadastrados no Registro Brasileiro de Receptores de Medula Óssea (Rereme), o Inca entra em contato com o doador e toma as providências para o transplante.

 

Mais informações:

Posto de Coleta de Sangue do HEMOCE – (85 3101.2300)

 

07.12.2011

Assessoria de Comunicação do HGF

Gilda Barroso (gildabarroso@gmail.com / 85 3101.7086)