Atletas olímpicos e competidores dos Jogos Escolares plantam mudas e fazem trilha no Parque do Cocó

4 de setembro de 2015

Quando lembramos dos atletas olímpicos, logo vem à mente a referência da perseverança, disciplina, dedicação e força de vontade. Conquistas que seguem como exemplo para todo o mundo. Estar em contato, sintonia e respeito com o meio ambiente também faz parte dos bons exemplos a serem seguidos pelos estudantes dos Jogos Escolares da Juventude 2015 que estiveram, na manha desta sexta-feira (4), em visita ao Parque Ecológico do Cocó, em Fortaleza.

 

Os estudantes das escolas públicas de todo o Brasil estão reunidos até o dia 12 de setembro para disputar os jogos em Fortaleza. Além das disputas realizadas, os alunos que representam os estados do Rio Grande do Norte, Minas Gerais, Ceará, Bahia, Tocantins, Rondônia e Amazonas realizaram uma visita guiada por educadores ambientais pelas trilhas do Parque. Com foco principal no eixo de sustentabilidade, os Jogos Escolares também tem o objetivo de minimizar seus impactos ambientais.

 

Rcocó7Segundo o secretário Artur Bruno (Meio Ambiente), esta é uma ação importante para que se valorize não somente o Parque Ecológico, mas também para conscientização dos jovens brasileiros. “Acho muito importante que a juventude do Brasil inteiro, representados por esses estudantes dos Jogos Escolares, venha ao Parque do Cocó e, sobretudo em uma atitude cidadã, faça o plantio de árvores para que nós diminuamos a quantidade de carbono na atmosfera. Temos aqui neste parque – o ‘pulmão’ da nossa capital – um local de encontro, educação ambiental, pesquisa, esporte e lazer. Por isso, estamos reformando para que ele também seja um local de cultura, adequando para que até o fim deste ano possamos concluir a sua regulamentação”, destacou.

 

Rcocó4A estudante Maria Edwirges Nobre, de 12 anos, ficou muito surpresa e feliz com a visita ao Parque, principalmente, por não ter uma flora e fauna tão vasta na localidade de Sítio Melancias, em Russas, onde mora. “Estou muito contente por conhecer o Parque Ecológico. Vir e ter essa mesma experiência com os amigos dos outros estados é muito bom. Quando digo que sou daqui e que também não conhecia este lugar, fico ainda mais emocionada com a oportunidade que os Jogos estão me proporcionando”, salientou Maria.

 

Seguindo a visita, estiveram também os atletas embaixadores dos Jogos Vanderlei Cordeiro (bicampeão de atletismo nos Jogos Pan-americanos, medalha de bronze nos Jogos Olímpicos de Atenas 2004), Lígia Silva (tênis), Luciano Correa (campeão mundial de judô), Joana Maranhão (medalhista em Toronto 2015, na natação), Antoine Jaoude (lutas), Luiz Henrique Dias dos Santos Rcocó1(badminton), Luisa Harumi Matsuo (ginástica rítmica) e Ana Paula Casetta (ciclismo) que incentivaram e animaram todos os competidores mirins.

 

Para o medalhista olímpico Vanderlei Cordeiro, este é um momento único, não só para os estudantes, mas principalmente para os atletas embaixadores. “Esta é uma oportunidade única de ensinarmos – e acabamos por aprender também – como conviver em natureza, respeitando o meio ambiente. Estamos vivendo um período de escassez de água em várias regiões brasileiras, principalmente, aqui no Ceará. Por isso, vejo como importante a conscientização e expansão dessa campanha para todos os estudantes do Estado”, reforçou o ex-atleta.

 

 

Sobre os Jogos Escolares da Juventude 2015

Maior competição estudantil do Brasil, os Jogos Escolares da Juventude reúnem jovens de 12 a 14 anos e de 15 a 17 anos, de escolas públicas e privadas de todo o país, em 14 modalidades. A competição foi criada pelo Comitê Olímpico do Brasil em 2005.

 

Atualmente, o evento contempla mais de 2 milhões de jovens nas seletivas municipais e estaduais, organizadas pelos estados e municípios, representando 40.000 escolas de 3.950 cidades do Brasil. Os Jogos Escolares da Juventude terão a disputa de 13 modalidades e contarão com participação de 3900 atletas de 27 delegações de todo o Brasil e uma da Argentina.

 

Sendo a segunda vez que o Ceará sedia o evento esportivo, os Jogos Escolares da Juventude são o maior celeiro de atletas olímpicos do país, revelando, a cada ano, novos talentos para o esporte brasileiro. As disputas são nas seguintes modalidades: atletismo, badminton, ciclismo, ginástica rítmica, judô, luta olímpica, natação, tênis de mesa, xadrez, basquete, futsal, handebol e vôlei.

 

 

04.09.2015

 

Wilame Januário
Repórter/Célula de Reportagem

 

Sabrina Lima
Gestora de Célula/Secretarias

 

Coordenadoria de Imprensa do Governo do Estado
Casa Civil
comunicacao@casacivil.ce.gov.br / (85) 3466.4898