Ceará comemora Dia Nacional da Alfabetização com resultados bem-sucedidos

14 de novembro de 2015

 

14 de Novembro – Dia Nacional da Alfabetização. Nos últimos nove anos, o Ceará tem mostrado que é possível mudar o cenário do analfabetismo entre as crianças. Para se ter uma ideia do quanto o Estado avançou, um acompanhamento realizado pela Secretaria da Educação (Seduc), entre os anos de 2007 e 2014, mostra que  houve uma redução no percentual de alunos não alfabetizados ao final do 2º ano do Ensino Fundamental. Caiu de 32,8% para 0,6%. Os dados são do Sistema Permanente de Avaliação da Educação Básica do Ceará (SPAECE) 2014 que também demostram que 84,6% das crianças estão alfabetizadas nesta série. Os resultados são provenientes de uma ação desenvolvida pelo Governo do Estado, por meio da Seduc, a partir do Programa Alfabetização na Idade Certa (PAIC). Neste trabalho, a iniciativa conta com a parceria dos municípios e do Ministério da Educação (MEC).

12118773 1647627638854991 8502115156418708972 nCom a meta de garantir a alfabetização dos alunos matriculados no 2º ano do Ensino Fundamental da rede pública cearense, foi criado em 2007, o PAIC. A partir de 2011,  as ações foram expandidas ao 3º, 4º e 5º anos, com o lançamento do Programa Aprendizagem na Idade Certa (PAIC +5). A implementação do Programa propiciou aos  municípios apoio técnico e financeiro para a gestão municipal, avaliação, formação de professores, aquisição de material didático e de apoio pedagógico  O PAIC juntamente com outras experiências, contribuiu para a estruturação, por parte do MEC, do Pacto Nacional Alfabetização na Idade Certa (PNAIC).

Os dados do SPAECE 2014 estão relacionados aos resultados das avaliações da alfabetização ao término do 2º ano, e das disciplinas de Língua Portuguesa e Matemática, ao final do 5º ano. Participaram 97.587 alunos do 2º ano e 115.273 do 5º ano do Ensino Fundamental de 4.192 escolas públicas. Os resultados possibilitam a construção de um indicador, denominado IDE-ALFA, que revela as habilidades de leitura dos estudantes do 2º ano. Para o 5º ano é o IDE-5 que expressa o desempenho médio em Língua Portuguesa e Matemática 11215840 1649449192006169 1555497412088326882 ndos alunos avaliados neste ano.  Essas informações fornecem a base para políticas de incentivo e redistribuição de recursos financeiros entre os municípios e as escolas.

Em 2014, também ocorreu a melhoria da aprendizagem dos alunos do 5º ano, nas disciplinas de Língua Portuguesa e Matemática em relação ao ano de 2008. Em Língua Portuguesa, o percentual de alunos no nível adequado subiu para 35,5%, enquanto, em 2008, o nível era de 6,8%. Em Matemática, era de 3,6% e passou para 27,1%.

O diretor Maurício da Escola Muncipal Francisca Gadelha Pires, localizada em Horizonte,  o PAIC  fortalece o ensino e a aprendizagem. “Veio para aprimorar nossas ações, pois podemos contar com um material bem estruturado como suporte para o fazer pedagógico em nossas turmas do ensino fundamental I e esperamos que o Paic possa se estender ao ensino fundamental II” – enfatiza.

A professora Katiúscia Tamiarana, do 2º ano do Ensino Fundamental na mesma escola, conheceu o PAIC em 2010. Não acompanhou o processo de implantação, pois trabalhava na rede particular de ensino. Ela conta que ao retornar à escola pública, percebeu uma grande transformação na forma de conduzir as aulas. “As metodologias estavam mais direcionadas ao objetivo desejado para a aprendizagem do aluno e com ações voltadas ao concreto. Saindo do papel para o palpável e vivenciando a realidade do nosso aluno, ficou mais fácil avançarmos na aprendizagem” – diz a professora.

Katiúscia espera que  todas as crianças do  município sejam alfabetizadas na idade certa. “Que elas possam sair do 2º ano  lendo com fluência e sendo capaz de escrever textos, pois hoje nós contamos com uma ferramenta muito importante que é o PAIC, oferecendo material para os alunos e professores, bem como, as formações destinadas aos docentes da nossa rede de ensino” – destaca.

Veja as Escalas do Spaece:

A escala da alfabetização (2º ano) é constituída por cinco padrões, representados pelas seguintes pontuações: até 75 pontos – não alfabetizado; de 75 a 100 – alfabetização incompleta; de 100 a 125 – intermediário, de 125 a 150 – suficiente e acima de 150 – nível desejável.

Já os resultados do 5º ano, são identificados a partir de quatro padrões de desempenho, sendo para Língua Portuguesa: até 125 pontos – muito crítico; de 125 até 175 – crítico; de 175 até 225 – intermediário, e acima de 225 – nível adequado. Para Matemática, os padrões de desempenho dos alunos do 5º ano são expressos através dos seguintes níveis: até 150 pontos – muito crítico; de 150 até 200 – crítico; de 200 até 250 – intermediário, e acima de 250 – nível adequado.

Resultados do 2º e 5º anos do Ensino Fundamental

Em 2007, ano de implantação do PAIC, a média de proficiência alcançada no 2º ano do Ensino Fundamental foi de 119,1 pontos, o que corresponde ao padrão intermediário. Em 2014, alcançou 174,3 pontos, permanecendo na proficiência desejável, conquistada desde 2013.  No início do Programa, apenas 14 municípios estavam no padrão Desejável em alfabetização das crianças ao final do 2º ano do Ensino Fundamental. Em 2014, esse número subiu para 173.

Quanto aos resultados do 5º ano, em 2008, nenhum município cearense apresentava média no nível adequado em Língua Portuguesa e Matemática. Em 2014, o resultado do 5º ano cresceu de forma considerável, mostrando que 34 municípios cearenses já se encontram com média no nível adequado nas duas disciplinas.

Prêmio Escola Nota Dez

Com o objetivo de reconhecer o esforço em prol da alfabetização das crianças e da aprendizagem dos alunos do 5º ano, o Governo do Estado instituiu o Prêmio Escola Nota Dez. Em sua sétima edição, a premiação é destinada, entre outros critérios, a até 150 escolas públicas que obtiveram os melhores resultados de alfabetização, tendo por base o Índice de Desempenho Escolar ? Alfabetização (IDE-Alfa), e a até 150 escolas públicas que obtiveram os melhores resultados do 5º ano, tendo por base o Índice de Desempenho Escolar 5º ano ? (IDE 5).  Em 2015, 274 escolas públicas municipais cearenses receberam a premiação.
 

13.11.2015

Coordenadora de Comunicação da Secretaria da Educação do Estado do Ceará
Caroline Avendaño – (85) 3101-3972 ou 98893.6983
carol.avendano@seduc.ce.gov.br

Assessora de Imprensa da Secretaria da Educação
Jacqueline Cavalcante – (85) 3101.3972 ou 98845.5185
jacquelinec@seduc.ce.gov.br

 
Ana Martins
Gestora de Célula / Monitoramento

Coordenadoria de Imprensa do Governo do Estado
Casa Civil
comunicacao@casacivil.ce.gov.br/ (85) 3466.4898