Hospital São José lança campanha de prevenção de quedas

17 de maio de 2016

Garantir a permanência segura dos pacientes que precisam ficar internados é uma das prioridades do Hospital São José, da rede pública do Governo do Estado. O hospital intensifica as ações para a segurança do paciente. Entre as medidas de segurança, estão a identificação correta do paciente, a higienização das mãos, a prevenção de úlceras por pressão e a prevenção de quedas. Na próxima quarta-feira (18), às 10 horas, o hospital lança a campanha “Hospital São José previne quedas”. A iniciativa do Núcleo de Segurança do Paciente do hospital vai oficializar a implantação do Protocolo de Prevenção de Quedas do HSJ.

As quedas podem causar lesões em pacientes internados nas unidades de saúde. Para evitar qualquer dano às pessoas que procuram atendimento, o Hospital São José fortalece as ações que garantem a avaliação de risco de cada paciente, o cuidado multiprofissional, envolvendo todos os setores da assistência à saúde e o ambiente seguro para quem precisa dos serviços da unidade. O objetivo é agir sempre preventivamente, evitando possibilidades de queda e resguardar a integridade e a dignidade do usuário. Esses cuidados são tomados desde a chegada do paciente até a saída dele, abrangendo todo o período de permanência. “São envolvidos os profissionais da recepção do hospital, enfermeiros, médicos, nutricionistas, psicólogos, assistentes sociais. A segurança do paciente é função de todos”, reforça a enfermeira do Núcleo de Segurança do Paciente, Liduina Rocha Feitosa.

Protocolo de Prevenção de Quedas

O Protocolo de Prevenção de Quedas foi elaborado por enfermeiros e médicos do Núcleo de Segurança do Paciente do Hospital São José. Trata-se de um conjunto de práticas fundamentais para o atendimento seguro com continuidade eficaz do tratamento sem intercorrências e danos aos usuários. As normativas do fluxo de prevenção de quedas são baseadas na literatura mundial sobre o assunto. São utilizados critérios rigorosos preventivos que levam em consideração fatores como o estado mental e a mobilidade do paciente, além da situação ambiental da unidade.

Segundo a enfermeira Liduina Rocha Feitosa, a conduta de zelo pelo paciente já existe, mas com a implantação do protocolo, serão padronizadas as ações dos profissionais de saúde na avaliação de riscos e, consequentemente, na prevenção de eventos adversos como as quedas. “Com a postura padronizada em todo o hospital, a qualidade do atendimento melhora cada vez mais e os riscos diminuem consideravelmente”, .

Serviço:

Campanha Hospital São José previne quedas

Dia: 18 de maio de 2016
Hora: 10 horas
Local: Hospital São José (Auditório Dom Antônio de Almeida Lustosa) – Rua Nestor Barbosa, 315, Parquelândia

Programação

10h – Abertura: Mesa redonda com as direções do HSJ
Tânia Mara Silva Coelho, diretora geral
Marly Beserra, diretora técnica
Cristiane Takeda, diretora clínica
Fátima Maia, ciretora administrativa

10h30 – Apresentação da Campanha “Hospital São José previne quedas”
Telma Queiroz – Núcleo de Segurança do Paciente HSJ/ ASDIN

10h40 – A dimensão da queda no Brasil e no mundo
Wanda Soares – Enfermeira Gerência de Risco HSJ

11h – Apresentação do Fluxograma de Prevenção de Quedas do HSJ
Telma Queiroz – Núcleo de Segurança do Paciente HSJ/ ASDIN

11h40 – Instrumento de Avaliação de Risco de Queda
Liduina Rocha – Enfermeira do Núcleo de Segurança do Paciente/ HSJ

17.05.2016

Assessoria de Comunicação do Hospital São José
Franciane Amaral
(85) 3101-2371/ 9 8961.3880

Assinatura coornenadoria matérias