Em 2017 adolescentes receberão vacinas HPV e meningocócica

15 de dezembro de 2016

Um novo calendário básico de vacinação será adotado em todo o país em janeiro de 2017, com a introdução das vacinas HPV e meningocócica C para os adolescentes. Pela primeira vez, a vacina HPV será disponibilizada para homens adolescentes de 12 e 13 anos. No Ceará, pouco mais de 182 mil meninos de 12 e 13 anos poderão se vacinar contra o HPV. O Brasil será o primeiro país da América do Sul e o sétimo do mundo a oferecer esse tipo de imunização para os meninos. As vacinas estarão disponíveis a partir do próximo mês. Para as mulheres, a vacina é oferecida para a faixa etária de 9 a 14 anos.

O objetivo da vacinação da população masculina é prevenir câncer de pênis e verrugas genitais. Por serem os responsáveis pela transmissão do Papilomavírus Humano (HPV) para suas parceiras, ao se vacinar os homens colaboram com a redução da incidência do câncer de colo de útero e vulva nas mulheres, prevenindo também casos de câncer de boca, orofaringe, bem como verrugas genitais em ambos os sexos.

Para os meninos e meninas de 12 e 13 será disponibilizada, pela primeira vez a partir de janeiro, a vacina meningocócica C (conjugada). Estudos apontaram a necessidade de doses de reforço da vacina meningocócica para garantir a proteção nessa fase da vida. Nos adolescentes, a vacina garante proteção por prolongado período, até a idade adulta, com diminuição das taxas de incidência da doença em condições endêmicas. Assim, a vacinação de adolescentes proporcionará proteção direta, impedindo o deslocamento do risco de doença para esses grupos etários.

RTabela1RTabela2RTabela3RTabela4

15.12.2016

Assessoria de Comunicação da Sesa
Cristiane Bonfim/ Marcus Sá / Helga Rackel  (85) 3101.5221 / 3101.5220
Twitter: @SaudeCeara
www.facebook.com/SaudeCeara

Expediente imprensa 05dez 2016-01