PortugueseEnglishFrenchSpanish
PortugueseEnglishFrenchSpanish

Instalação de cem academias ao ar livre pelo Ceará é autorizada pelo governador Camilo Santana em evento no Corpo de Bombeiros

11 de maio de 2018 - 11:56 # # # #

Caio Faheina - Repórter
Tiago Stille - Fotógrafo

Idosa beneficiada com os novos equipamentos faz um coração com as mãos© TIAGO STILLE/ GOV. DO CEARA
Os novos equipamentos foram anunciados durante o 15º aniversário do projeto social Saúde, Bombeiros e Sociedade, Quartel Central do Corpo de Bombeiros Militar do Ceará, no bairro Jacarecanga

Centenas de mulheres e homens ocuparam a quadra do Quartel Central do Corpo de Bombeiros Militar do Ceará, no bairro Jacarecanga, nesta quinta-feira, 10. O clima era de festa: música, dança e balões vermelhos e brancos enfeitavam o ginásio. Até quem estava na arquibancada, evitando a aglomeração, mexia o corpo para lá e para cá. Comemorava-se os 15 anos do Projeto Saúde, Bombeiros e Sociedade – ação que realiza atividades físicas e sociais com foco na população cearense mais idosa. O governador Camilo Santana participou dos festejos acompanhado da primeira-dama, Onélia Santana, e do secretário da Segurança Pública e Defesa Social, André Costa.

Governador do Ceará, Camilo Santana acena para população após anúncio dos novos equipamentos© TIAGO STILLE/ GOV. DO CEARA

Na ocasião, Camilo Santana, que vestiu a camisa do projeto que iniciou em 2003, autorizou a instalação de cem academias ao ar livre pelo Estado. Uma extensão do programa que atende mais de 20 mil pessoas pelo Ceará. “A cada mulher e homem que participa da ação, eu queria pedir uma salva de palmas. No percurso que fiz até o palco, eu ouvi histórias de superação. Ou seja, o projeto não é uma obra física, e sim uma acolhida”, ressaltou. E garantiu: “contem com o Governo do Ceará para dar condições de ampliar o projeto”.

Tenente Coronel Barreto posa para foto com largo sorriso e braços erguidos© TIAGO STILLE/ GOV. DO CEARA

Para o coordenador do Projeto Saúde, Bombeiros e Sociedade, Coronel Barreto, a festa celebra não só o décimo quinto aniversário das atividades. Festejava-se, também, o Dia das Mães – comemorado no próximo domingo, 13. “Temos muitos depoimentos de gente que, após entrar no programa, está bem melhor, com outra qualidade de vida. São pessoas mais animadas. Com isso, diminuem até a quantidade de medicamentos que tomavam”, compartilhou.

A artesã Vanuza Maria, de 47 anos explica os benefícios do programa;© TIAGO STILLE/ GOV. DO CEARA

E quem pode garantir a melhoria na qualidade de vida é a artesã Vanuza Maria, de 47 anos. Ela conta que, antes de entrar no programa, não praticava atividades físicas. “Quando cheguei (no projeto), o corpo era todo duro. Precisei fazer fisioterapia por muito tempo, o que não faço mais, devido às atividades que já faço no projeto. Para a saúde, é ótimo. Estou mais disposta, danço e pulo de todas as maneiras”, brincou. Moradora do bairro Antônio Bezerra, Vanuza participa da ação há cinco anos. Tempo suficiente para construir novos laços. “São quase 50 pessoas que participam do grupo todos os dias. É uma extensão da nossa casa”, disse.

A dona de casa Maria Helena, 62, ao lado de seu filho Juscelino Silva, de 35 anos. ©Foto: TIAGO STILLE/ GOV. DO CEARA

A dona de casa Maria Helena, 62, também percebeu mudanças na saúde com a prática de exercícios. “O corpo vivia todo doído. Eu ficava muito tempo deitada. Depois que conheci as pessoas que já estavam no projeto, foi ótimo”, argumentou. E ela não vai sozinha. O filho Juscelino Silva, de 35 anos, sempre a acompanha. “Quando eu falo em ir para os bombeiros, ele vem correndo”, riu-se.

O projeto

Por meio do Centro de Treinamento e Desenvolvimento Humano (CTDH) do Corpo de Bombeiros, o Projeto Saúde, Bombeiros e Sociedade está presente em 349 núcleos espalhados pelo Ceará. Dentre as atividades desenvolvidas estão alongamentos, caminhadas e atividade física de baixo impacto. Eventos como cafés da manhã, aniversariantes do mês, passeios, campanhas solidárias, ações de promoção de saúde – campanhas contra a Dengue, Chikungunha, Zika vírus – também são realizados.

Para inscrição no programa, é necessário levar a qualquer unidade do Corpo de Bombeiros do Ceará apenas o Cadastro de Pessoa Física (CPF). O cadastro é gratuito.