PortugueseEnglishFrenchSpanish
PortugueseEnglishFrenchSpanish

Judoca conquista mais uma medalha de ouro para o Ceará nos Jogos Escolares da Juventude 2019

20 de novembro de 2019 - 11:18 # # # #

Ascom Sejuv

Medalhista em Judô nos Jogos Escolares da Juventude 2019

O terceiro dia de disputas também contou com a classificação do time de Basquete do Colégio Batista, categoria 15 a 17 anos, para a edição de 2020

O judô mostrou mais uma vez porque é uma modalidade tão forte no Estado do Ceará. No terceiro dia de competições dos Jogos Escolares da Juventude 2019, o atleta Eduardo Domingos se consagrou campeão na categoria até 50 kg, 15 a 17 anos.

Engana-se quem pensa que essa é a primeira vez de Dudu, como é conhecido, no lugar mais alto do pódio. Em 2016, na edição em que a competição foi sediada pela cidade de João Pessoa, Eduardo já havia se consagrado campeão quando competia na categoria até 44kg, 12 a 14 anos.

O Judoca da Escola Fernando Cavalcante Mota, de Fortaleza, relatou qual a sensação de receber a medalha de ouro mais uma vez e quais os planos para o próximo ano. “Esse ano eu treinei muito para estar aqui e conseguir ser bicampeão dos Jogos Escolares da Juventude. Pra ser uma atleta de alto nível tem que ter foco e dar o seu melhor no treino. Hoje eu falei pra mim mesmo que seria campeão e consegui. Ano que vem é meu último ano na competição, a minha expectativa é ser tricampeão, eu sei que não é fácil, mas vou me preparar para isso”.

Na modalidade coletiva Basquete, o Colégio Batista, de Fortaleza, fez uma partida excepcional contra o Estado do Rio de Janeiro e terminou em 5º lugar na competição. Com o placar de 76 a 59, os atletas conquistaram previamente uma vaga para os Jogos Escolares da Juventude 2020, na categoria 15 a 17 anos.

João Gabriel, capitão do time, está participando da competição pela quarta vez. Ele falou sobre a sensação de estar na sua última edição dos Jogos e como foi garantir a vaga para os seus colegas competirem no próximo ano. “É muito bom está participando da minha quarta edição, todas foram ótimas, cada ano com experiências e acontecimentos melhores que o ano anterior. Queria muito poder competir mais, mas infelizmente essa foi minha última oportunidade. Ainda assim, foi muito importante e gratificante ter conseguido colocar o Ceará com uma vaga na etapa nacional dos Jogos Escolares do ano que vem, principalmente por ser a divisão especia,l que é onde todo mundo almeja chegar”.