PortugueseEnglishFrenchSpanish
PortugueseEnglishFrenchSpanish

Processos de trabalho da Sesa são reformulados para eficiência de gestão

19 de dezembro de 2019 - 16:49 # # # #

Martina Dieb - Ascom Sesa

Nos últimos meses, a Secretaria da Saúde do Ceará (Sesa) modificou sua estrutura organizacional para a efetivação de um novo modelo de governança, integrando diferentes áreas. E como parte dessa nova estrutura, surgiu a necessidade de redesenhar os macroprocessos de trabalho. Ou seja, definir os fluxos de atividades dos setores, conforme sua secretaria executiva, fortalecendo a integridade e otimização desses processos. Na quarta-feira (18), esses macroprocessos foram apresentados em reunião com gestores e secretários da Rede Sesa, na Escola de Saúde Pública do Ceará (ESP/CE), vinculada à Secretaria da Saúde do Estado.

“Com a estruturação, a Sesa passou a contar com um código de ética funcional comprometido com a transparência da gestão. Essa entrega dos macroprocessos estão de acordo com a grande estruturação da Secretaria para que os processos rodassem de forma mais ágil e isso tivesse reflexo no cidadão, no usuário do Sistema Único de Saúde. Esse redesenho foi necessário para otimizar tempo, diminuir gastos e garantir um melhor atendimento à população cearense”, destaca a secretária executiva de Planejamento e Gestão Interna, Najla Cavalcante.

Grupos estratégicos da Sesa e ESP participaram desse período de reformulação, quando foram estabelecidos 25 macroprocessos. Estes, distribuídos em três blocos: primários, gerenciais e de suporte. “Nesse momento que se apresenta a modernização da saúde, tivemos que rever a estrutura da pasta. Esse foi um momento oportuno para averiguar a visão dessas competências diante da estrutura institucional e todos nós nos modelarmos para o novo”, afirma Washington Menezes, orientador da Célula de Planejamento Institucional da Sesa.

O encontro de apresentação dos macroprocessos dá continuidade às ações estratégicas da gestão, que acontecessem desde que a Sesa aderiu ao Programa de Integridade – Compliance. Este assegura melhores desempenhos criando uma cultura de monitoramento e excelência nos serviços prestados. “Desde a implementação do Programa de Integridade foram entregues e validados treinamento com os gestores. Depois seguiremos com os pilares de controle interno, treinamento e comunicação, diligência, canal de denúncia, investigação e monitoramento. O objetivo é uma gestão transparente com resultado centrado no cidadão. A Sesa desenvolveu todo o processo de intervenção e mudança com o propósito de cuidar das pessoas”, ressalta a consultora do Programa de Integridade da Saúde, Adriane Ribeiro.