PortugueseEnglishFrenchSpanish
PortugueseEnglishFrenchSpanish

Produtos orgânicos em oferta para os consumidores de Fortaleza

4 de novembro de 2020 - 17:12 # # # # # # #

André Gurjão - Ascom SDA
Centro de Formação Frei Humberto - Foto

O fortalezense já pode preparar a lista com os produtos da agricultura familiar e atravessar a pandemia com economia e saúde. Até o próximo domingo (8), o Centro de Formação, Capacitação e Pesquisa Frei Humberto recebe os pedidos pela Feira da Reforma Agrária e as entregas ocorrem entre os dias 12 e 14, em decorrência das eleições no dia 15. Os alimentos sem agrotóxicos são produzidos em 12 acampamentos e assentamentos no interior do Estado e o comércio fortalece a economia local.

A tabela com os 82 produtos, com preços variando entre R$ 2 e R$ 50, incluem itens como toucinho de porco (R$ 9/kg), queijo coalho (R$ 27/kg) e macaxeira pré-cozida (R$ 10/kg). A Cachaça Veredas de Terra, de Minas Gerais, 500g de castanha de caju chega à mão do consumidor por R$ 27 e o mel de abelha custa R$ 13 (550 ml). A Feira da Reforma Agrária oferece ainda itens personalizados com a marca do Movimento dos Trabalhadores Sem Terra, como: bonés, canecas e avental. A máscara de proteção à Covid-19 custa R$ 6.

“A Feira da Reforma Agrária traz um pouquinho dos sabores do sertão para capital”, pontua o secretário estadual de Desenvolvimento Agrário, Francisco de Assis Diniz. Além de fortalecer o sistema cooperativista, a Secretaria do Desenvolvimento Agrário colabora realizando a entrega de projetos produtivos que aumentam a capacidade produtiva do Movimento dos Sem Terra. “Agregando valor e qualidade aos nossos produtos”, agradece Clarice Rodrigues, do setor de produção do Movimento dos Sem Terra.

Para participar da 53ª Feira da Reforma Agrária, o consumidor precisa acessar o site do Centro Frei Humberto, onde também acessará a lista completa com os produtos, incluindo itens para jardinagem, doces, frios e laticínios, livros e vegetais e frutas, e grãos e farinhas e carnes e ovos. As eventuais dúvidas são esclarecidas por meio Whatsapp, pelos números: (85) 9.9748-9694, (85) 9.9773-2893 e (85) 9.9604-0234.