PortugueseEnglishFrenchSpanish
PortugueseEnglishFrenchSpanish

Polícia Militar resgata cadela que fugiu após se assustar com fogos de artifício na Capital

28 de dezembro de 2020 - 18:03 # # #

Ascom SSPDS - Texto e Foto


Uma equipe da Força Tática (FT) da Polícia Militar do Ceará (PMCE) localizou uma cadela, da raça dálmata, que estava desaparecida. O animal havia fugido de uma residência, nesse sábado (26), após se assustar com fogos de artifício durante o período natalino. Ela foi localizada no bairro Barroso, na Área Integrada de Segurança 3 (AIS 3) de Fortaleza, nesta segunda-feira (28).

De acordo com os policiais militares do 19° Batalhão de Polícia Militar (BPM), tudo começou após os PMs tomarem conhecimento acerca de uma cachorrinha que estava desaparecida há dois dias. “Duda”, como é conhecida a cadela, teria fugido de uma casa localizada no bairro Passaré, após se assustar com fogos de artifício. Em posse das informações acerca do animal, os policiais militares localizaram a cachorrinha na Avenida Juscelino Kubistcheck.

Para o presidente do Conselho Regional Medicina Veterinária, Daniel Viana, nesse período de festividades, os animais ficam mais incomodados e podem desenvolver comportamentos de medo ou fuga. Ele destacou que “a audição canina é muito mais aguçada que a nossa. Um cão pode ouvir o mesmo som que nós humanos, porém mais alto, e a uma distância quatro vezes maior. Dessa forma, os animais se tornam muito mais sensíveis e precisam de atenção redobrada em períodos festivos”.

O veterinário também ressaltou a importância de preparar o ambiente para possíveis eventualidades com fogos de artifício. “É importante deixar o animal em um local calmo com um bom isolamento acústico e acompanhado. Essa é a maneira mais fácil de lidar com a situação. Além disso, nenhuma medicação como calmante deve ser dado sem prescrição de um médico veterinário, pois pode ocorrer complicações graves”, frisou ele.