PortugueseEnglishFrenchSpanish
PortugueseEnglishFrenchSpanish

Adagri abre inscrições para curso online de Habilitação de Responsáveis Técnicos para Certificação Fitossanitária de Origem (CFO)

26 de maio de 2021 - 15:52 # # # # # # # #

Julyana Silveira - Ascom Adagri - Texto e Foto

A Agência de Defesa Agropecuária do Estado do Ceará (Adagri), vinculada da Secretaria do Desenvolvimento Econômico e Trabalho (Sedet), está com inscrições abertas para o curso de Habilitação de Responsáveis Técnicos para Certificação Fitossanitária de Origem (CFO), que será realizado pela Agência no período de 5 a 8 de julho de 2021 na modalidade EAD. Podem participar Engenheiros Agrônomos de órgãos públicos, empresas privadas e autônomos, devidamente registrados no Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Ceará (CREA).

Estão sendo ofertadas 50 vagas, com taxa de inscrição no valor de R$ 468,33 a ser paga por meio de boleto bancário. Segundo o gerente de Inspeção e Fiscalização da Adagri, Gleyber Cartaxo, a certificação é uma exigência do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA), regulamentada pela Instrução Normativa Nº 33, de 24 de agosto de 2016, que aprova a Norma Técnica para a utilização do Certificado Fitossanitário de Origem (CFO) e do Certificado Fitossanitário de Origem Consolidado (CFOC). “O objetivo é habilitar Engenheiros Agrônomos para emissão desses certificados para diversas pragas”, explica a fiscal agropecuária da Adagri e coordenadora do Programa Estadual de Certificação Fitossanitária de Origem (PECFO), Renata Damasceno.

Para se inscrever, o interessado deverá anexar os seguintes documentos: Cadastro de Pessoa Física (CPF); Registro Geral (RG); comprovante de endereço; comprovante de seu registro, ou visto, junto ao Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (CREA). Os profissionais já habilitados e devidamente regularizados, que tenham interesse em incluir novas pragas em sua habilitação, deverão escolher no formulário de inscrição a opção “Inclusão de Pragas” e marcar quais pragas desejam incluir.

Os profissionais serão habilitados para as pragas Sigatoka Negra (Mycosphaerella fijiensis), Moko da Bananeira (Ralstonia solanacearum raça 2), Pinta Preta dos Citros (Guignardia citricarpa), Cancro Cítrico (Xanthomonas citri subsp. citri), HLB (Candidatus Liberibacter), Moscas-das-frutas (Ceratitis capitata, Anastrepha grandis, Anastrepha spp, Bactrocera carambolae), Cochonilha do Pacífico (Planococcus minor Maskell), Brocas das Curcubitáceas [Diaphania hyalinata L. e Diaphania nitidalis (Stoll)], Jack Beardsley Mealybug (Pseudoccus jackbeardsley Gimpel & Miller), Colapso do Meloeiro (Monosporascus cannonballus Pollack & Uecker) e Mancha aquosa (Acidovorax citrulli).

O curso será ministrado na plataforma Google Meet e para participar os interessados deverão possuir conta no Google Gmail. Também é recomendada a utilização de notebook ou desktop com navegador Google Chrome e equipado com microfone e webcam.

Os participantes deverão ter 100% de presença e obter, no mínimo, 75% de aproveitamento para aprovação. “Devido à modalidade ser EAD síncrona, o participante deverá certificar-se da boa qualidade e estabilidade do acesso à internet que utilizará para ingressar na plataforma digital. A Adagri não se responsabilizará por eventuais falhas de ordem técnica/operacional que inviabilizem parcial ou totalmente a transmissão do curso e/ou transferência de dados”, finaliza o gerente de Tecnologia da Informação da Adagri, Huebert Melgaço.

Clique aqui e tenha acesso ao formulário de inscrição.

Clique aqui e confira a programação completa do curso.