PortugueseEnglishFrenchSpanish
PortugueseEnglishFrenchSpanish

Famílias do Sertão de Canindé recebem 1.500 cestas básicas do Governo do Ceará

27 de maio de 2021 - 17:53 # # # # #

Déborah Vanessa - Ascom Gabinete da Primeira-Dama Texto
Prefeitura de Madalena Fotos

Governo do Ceará já distribuiu cerca de 35 mil cestas básicas, totalizando mais de 720 toneladas de alimentos, desde o início da pandemia do Coronavírus

“É de grande importância nesse momento que a gente está enfrentando. Quem tem criança pequena sabe como está difícil. Eu participo do Criança Feliz e do Cartão Mais Infância há bastante tempo. Então, tem sido uma ajuda muito boa”, disse a dona de casa Sara Costa, mãe de duas crianças na primeira infância, ao receber a cesta básica nesta quinta-feira (27) em Madalena. A família de Sara recebe visitas domiciliares para estimular os vínculos familiares e o desenvolvimento infantil, é contemplada com o auxílio mensal do Governo do Ceará no valor de R$100 e hoje também leva para casa alimentos em mais uma ação do Estado para minimizar os efeitos da Covid-19 aos cearenses. Nesta quinta-feira (27) um total de 1.500 cestas básicas foram distribuídas pelo Governo do Ceará para as famílias em vulnerabilidade social de Boa Viagem e Madalena, no Sertão de Canindé.

“Estamos fazendo a entrega das cestas básicas por região. Todas as regiões do Ceará serão contempladas com a ação que vai levar alimentos para a mesa de quem mais precisa neste momento de pandemia”, ressaltou a primeira-dama do Ceará, Onélia Santana. O Governo do Ceará já entregou cerca de 35 mil cestas básicas, totalizando mais de 720 toneladas de alimentos, desde o início da pandemia do Coronavírus, incluindo aquisições, doações de entidades e empresas e campanhas de arrecadação junto a servidores e entidades de classe.

 

A Prefeitura de Boa Viagem recebeu 1.000 cestas e a de Madalena 500. Os municípios serão responsáveis pela distribuição às famílias. Nesta quarta-feira (26), Caridade, Canindé, Mombaça e Paramoti receberam a doação de 2.600 cestas básicas do Governo do Ceará. A iniciativa do Programa Mais Nutrição está sendo coordenada pela Secretaria da Proteção Social, Justiça, Cidadania, Mulheres e Direitos Humanos (SPS) e contou com a parceria da Federação das Indústrias do Estado do Ceará (Fiec), Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado do Ceará (Fecomércio), Câmara de Dirigentes Lojistas de Fortaleza (CDL-Fortaleza), Síndiônibus e Embaixada Norte-Americana.

“Temos atuado em várias frentes de distribuição de alimentos, sempre em parceria com instituições públicas ou privadas para fazer com que os alimentos cheguem à mesa das famílias cearenses em situação de vulnerabilidade social. A equipe da SPS está pronta para operacionalizar essa entrega de todos que quiserem se envolver nessa causa”, pontua a titular da SPS, Socorro França.

Nas últimas semanas cerca de 20 comunidades de Fortaleza também foram contempladas com cerca de duas mil cestas básicas, totalizando 24 toneladas de alimentos. As unidades, doadas pelo Mais Nutrição, foram arrecadadas por servidores, colaboradores e parceiros em campanha solidária do Departamento Estadual de Trânsito do Ceará (Detran-CE). Além das cestas básicas, o programa continua com a distribuição de alimentos in natura, polpas de frutas e mix de preparo de alimentos para as entidades de Fortaleza, Caucaia e Maracanaú. Desde o início do Mais Nutrição, já foram doados mais de 832 toneladas de alimentos para as famílias em vulnerabilidade.

Serviço

Os interessados em contribuir podem ligar para o número do Mais Nutrição (85) 991132246.