PortugueseEnglishFrenchSpanish
PortugueseEnglishFrenchSpanish

Servidores e colaboradores do Centro Administrativo do Cambeba doam sangue ao Hemoce

29 de junho de 2021 - 14:32 # # # # #

Dháfine Mazza - Ascom Seplag - Texto e fotos

Solidariedade. Este é o principal sentimento que impulsiona servidores e colaboradores do Governo do Estado do Ceará a doarem sangue ao Centro de Hematologia e Hemoterapia do Ceará (Hemoce), cujo caminhão para coleta está, até as 16h de hoje (29), no Centro Administrativo Governador Virgílio Távora (Cambeba). “Acho importante a gente contribuir o máximo possível com a sociedade em geral com ações mais diretas como esta. Os componentes do sangue beneficiam muitas pessoas”, destaca o servidor Régis de Albuquerque, da Coordenadoria de Captação de Recursos e Alianças com o Público e Privado (Cocap) da Secretaria do Planejamento e Gestão (Seplag).

Albuquerque foi o primeiro a chegar para a campanha de doação de sangue desta terça-feira no Cambeba, organizada pela Seplag, em parceria com o Hemoce, em alusão ao Junho Vermelho – mês de conscientização para doação de sangue. “Trazer o Hemoce ao Cambeba é muito importante. Além de haver no Centro Administrativo um bom quantitativo de pessoas que podem doar, essa ação também ajuda a desmistificar a doação de sangue e a conscientizar as pessoas a respeito dessa ação de responsabilidade social”, avalia o servidor, que doa sangue há quase 30 anos.

A vinda do caminhão do Hemoce ao Centro Administrativo Governador Virgílio Távora também motivou a colaboradora Carolina Souza a doar sangue pela primeira vez. “Sempre tive vontade de doar sangue e ajudar a quem precisa. A vinda do caminhão da Hemoce para cá me ajudou a concretizar esse desejo de ajudar o próximo”, conta.

Medula óssea

Quem não conseguiu doar sangue por não atender, no momento, aos critérios estabelecidos pelo Hemoce aproveitou a ida ao local de doação para se cadastrar no Registro Nacional de Doadores Voluntários de Medula óssea (Redome). Esse foi o caso da colaboradora Andréa Machado. “Não pude doar sangue, pois estou tomando anti-inflamatório, mas aproveitei a presença do Hemoce para fazer o meu cadastro como doadora de medula óssea. Isso também pode ajudar muita gente”, conta.

Quem pode doar sangue

Para doar sangue, é preciso atender a alguns critérios, como estar saudável, ter entre 16 e 69 anos – contanto que a primeira doação ocorra até os 60 anos -, pesar mais de 50 quilos e apresentar documento de identificação oficial com foto, dentre outros.

Os menores de 18 anos devem apresentar o termo de consentimento de doação assinado pelos pais ou responsáveis legais.

Agende a sua doação

Para doar sangue, também é necessário agendar um horário. O agendamento pode ser feito pelo link doador.hemoce.ce.gov.br ou pelos telefones de contato de cada unidade. Em Fortaleza, os doadores podem ligar para (85) 3101.2305 ou (85) 9.9681.7597 – WhatsApp.

Os servidores e colaboradores que atuam no Centro Administrativo Governador Virgílio Távora podem agendar e realizar a doação nesta terça-feira, no caminhão do Hemoce que está localizado em frente ao Centro de Convivência do Servidor.