PortugueseEnglishFrenchSpanish
PortugueseEnglishFrenchSpanish

Governo do Ceará entrega 844 armas de fogo às Forças de Segurança do Ceará

7 de julho de 2021 - 18:52 # # # # # #

Aline Freires - Ascom SSPDS - Texto
Carlos Gibaja e Tatiana Fortes - Fotos

Ao todo, foram entregues 562 unidades para a Polícia Militar e 282 para a Polícia Civil, o que totaliza um investimento de R$ 5.735.620,19

Com o objetivo de disponibilizar o que há de mais moderno para as Forças de Segurança, o governador do Ceará, Camilo Santana, entregou, nesta quarta-feira (7), 844 armas de fogo que serão utilizadas pelas Polícia Civil (PCCE) e Polícia Militar (PMCE) do Ceará. O ato ocorreu na sede da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), no bairro São Gerardo, em Fortaleza, com as presenças do secretário da SSPDS, Sandro Caron, do coronel comandante-geral da PMCE, Márcio Oliveira; e do delegado geral, Polícia Civil do Estado do Ceará, Sérgio Pereira.

“Temos muitos desafios, mas buscamos superar esses desafios quando fazemos investimentos nos homens e mulheres da segurança pública. Na valorização, nas promoções, também em capacitações, novos concursos, equipamentos, em viaturas, aeronaves e em tudo o que há de tecnologia para que o policial possa, na ponta, fazer o seu trabalho. Recentemente, entregamos novos equipamentos ao Corpo de Bombeiros, e aqui hoje estamos entregando armas longas para a Polícia Militar e para a Polícia Civil”, destacou Camilo Santana, durante transmissão pelas redes sociais.

O chefe do Executivo estadual aproveitou para elogiar a rápida resposta apresentada pela Polícia Militar do Ceará (PMCE), que efetuou as prisões de três suspeitos envolvidos na ação criminosa contra um carro-forte, em Piquet Carneiro. “Quero parabenizar sobre essa ação que, em menos de 24 horas, a Polícia Militar já prendeu os suspeitos envolvidos no crime. São pernambucanos, de fora do Ceará. Portanto, mostra a ação efetiva da Polícia no combate ao crime no Estado”, destacou.

Novas armas

As armas de modelo M3A1, espingarda calibre 12, são de fabricação italiana da marca Benelli. Ao todo, foram 562 unidades para a Polícia Militar e 282 para a Polícia Civil, o que totaliza R$ 5.735.620,19 investidos com recursos do tesouro estadual e também por meio de um convênio com o Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP). Esse mesmo armamento é utilizado por diversas forças policiais no Brasil e no mundo. Além do Ceará, o modelo também é usado pela Polícia Federal e polícias Militares e Civis de outros sete estados brasileiros.

A espingarda Benelli possibilita disparos em modo semiautomático e de repetição, assim como é possível usar munições letais e menos letais. A distribuição será organizada pela Polícia Militar para todas as unidades da Corporação, e a Polícia Civil repassará o armamento para as delegacias distritais, especializadas e também para o interior.

“Fica aqui os meus parabéns a todos os homens e mulheres da segurança pública do nosso Estado. No mais, governador, quero agradecer por todo o investimento que o senhor vem fazendo. Como sempre menciono, o senhor investe muito no que há de mais importante na segurança pública, que são os homens e mulheres que estão no dia a dia nas ruas”, agradeceu Sandro Caron.

Equipamentos modernos

A aquisição demonstra mais uma vez o empenho do Governo do Ceará, através da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social e de suas instituições vinculadas, em modernizar o aparato utilizado pelos profissionais de segurança no Estado. A exemplo disso está outra grande aquisição feita pelo Governo do Ceará, por meio de processo licitatório internacional de armas de fogo da fabricante de origem suíço-germânico Sig Sauer, que iniciou em 2018.

De lá para cá, o Estado já reforçou as forças policiais com 11.559 armas de fogo. Em outubro último, o Governo do Ceará entregou o último lote contendo 3.893 pistolas P-320, nos calibres 9mm e ponto 40. Ao todo, o investimento somou um total de R$ 20.262.475,00.

Treinamento

O secretário da SSPDS, Sandro Caron, aproveitou para falar sobre o curso promovido pela Polícia Militar do Ceará (PMCE), sob certificação da Academia Estadual de Segurança Pública do Estado do Ceará (Aesp/CE), que já capacitou mais de 2 mil policiais militares do Policiamento Ostensivo Geral (POG) no Curso de Abordagem Policial e Tiro Defensivo.

“Eu aproveito o momento para anunciar que a PMCE está fazendo neste ano a maior capacitação da história. É uma capacitação em abordagem e tiro policial defensivo, que vai atingir mais de seis mil integrantes do Policiamento Ostensivo Geral, na Capital e no Interior. Então, o policial capacitado, motivado e valorizado, e agora com mais um ato importante, estão sendo entregues oficialmente à Polícia Civil e à Polícia Militar, 844 espingardas calibre 12”, disse.

A capacitação possui 40 horas/aula, com aulas práticas e teóricas. As disciplinas ofertadas são: tática individual, abordagem a veículos, conduta de patrulha e abordagens a pessoas em edificações e tiro policial defensivo. Atualmente, o curso está em seu sexto ciclo e ocorre simultaneamente em 12 unidades da PMCE, subdivididas na Capital, na Região Metropolitana e no interior do Ceará.

Na disciplina de tiro policial defensivo, o policial militar utiliza a espingarda Benelli, calibre 12, M3A1, oportunidade que conhece e aprende a manusear o referido armamento, visto que será uma das armas a ser utilizada pelo policial militar na atividade de policiamento ostensivo da PM.