PortugueseEnglishFrenchSpanish
PortugueseEnglishFrenchSpanish

Centec inicia ações de projeto que fortalecerá Arranjos Produtivos Locais do Ceará

29 de julho de 2021 - 15:04 # # # # # # #

Caroline Avendaño - Ascom Centec - Texto

Na última quarta-feira (28/07), o Instituto Centro de Ensino Tecnológico (Centec) deu o pontapé inicial para o desenvolvimento de um projeto que apoiará pequenos produtores e empreendedores do Estado, o “Impulsiona Ceará: Fortalecendo os Arranjos Produtivos Locais”. A iniciativa, que será executada pelo Centec, conta com o apoio da Secretaria do Desenvolvimento Econômico e Trabalho (Sedet), por meio de um contrato de gestão com a Agência de Desenvolvimento do Estado do Ceará (Adece).

Segundo o coordenador do projeto e colaborador do Centec, Odério Lima, as ações terão início com um mapeamento dos APLs em todo o Estado para, depois, afunilar o apoio à quatro setores específicos: calçados, no Cariri; confecção, no Sertão de Sobral; móveis, no Litoral Norte e Turismo, na Ibiapaba. “Começaremos tendo uma visão maior com uma pesquisa em banco de dados e de campo, com a aplicação de questionários, reuniões de mobilização e, após isso, priorizaremos alguns arranjos. Prevemos várias iniciativas de apoio, como a criação de estratégias de comercialização, a formalização e cadastramento dos negócios, capacitação técnica, dentre outras”, explica o gestor.

O projeto foi criado para atualizar e efetivar a política de desenvolvimento dos Arranjos Produtivos Locais (APL) do Estado do Ceará, por meio da execução e monitoramento de ações que visem a aceleração dos negócios existentes nas regiões contempladas. Dentre os desafios do programa, foram destacados a atualização dos APL do Ceará e a elaboração de um novo mapeamento e cadastramento.

Primeira reunião com Câmaras Setoriais e Temáticas

Uma das primeiras ações para mobilizar os atores envolvidos foi a apresentação do projeto em uma reunião virtual para representantes de 21 Câmaras Setoriais e Temáticas na tarde do dia 28, com a participação do presidente do Centec, Silas Alencar, do secretário executivo do Trabalho e Empreendedorismo da Sedet, Kennedy Vasconcelos, e demais gestores e equipe técnica do projeto, totalizando 43 participantes.

O secretário executivo do Trabalho e Empreendedorismo da Sedet, Kennedy Vasconcelos, destacou o encontro como uma maneira de agregar e potencializar a iniciativa. “O propósito maior, além de informá-los, é obter um engajamento cada vez maior de vocês, que são os representantes de setores importantes no estado do Ceará, para que possamos avançar de maneira maior nos programas. Esperamos contar com todos aqui presentes para que possamos obter os resultados propostos”, disse.

A colaboração das Câmaras para a evolução do projeto também foi pontuada pelo presidente do Centec, Silas Barros de Alencar. “Estamos imensamente honrados e satisfeitos em ter essa oportunidade com os presidentes das Câmaras Setoriais e Temáticas para que todos possam contribuir para esse projeto com Adece e Sedet”, destacou. Ele reforçou ainda outras ações realizadas pela instituição para apoiar os negócios locais, como a criação de um Centro Tecnológico de Cultivos Protegidos em Barbalha, que será um polo de difusão de tecnologias.

Luana Bandeira, assistente técnica da Sedet, ressaltou que, desde 2012, os Arranjos Produtivos do Ceará não são contemplados nas políticas públicas e que urge a necessidade de retomar este apoio por meio ações concretas que venham a fortalecer os aglomerados produtivos. “Por isso, é tão importante divulgarmos amplamente este programa e contarmos com o apoio e participação de todos vocês nas ações que desenvolveremos”, disse a técnica aos convidados da reunião.

Eduardo Barros, diretor de Fomento da Adece, parabenizou a todos pela apresentação do projeto e ressaltou que a instituição está plenamente satisfeita em participar desta importante iniciativa. Da mesma forma, manifestou-se Luciano Ramos, representante do ramo imobiliário.

Participaram da primeira reunião de mobilização do projeto, representantes das seguintes Câmaras Setoriais e Temáticas:

Audiovisual (George Frota)
Automotiva (José Éverton Fernandes)
Caju (José Ismar)
Carnaúba (Edgar Gadelha Filho)
Comércio e Serviços (Antônia Dalvani Marques)
Comércio Exterior e Investimento Estrangeiro (Ana Karina Paiva Frota)
Construção Civil e Imobiliária (Luciano Ramos)
Economia Criativa (Luiz Carlos Sabadia)
Economia de Saúde (Luiz Fernando Pessoa de Andrade)
Energias Renováveis (Jurandir Picanço Júnior)
Equinocultura (Renan Monteiro)
Flores (Gilson Gondim)
Gastronomia (João Luiz Lima Neto)
Leite (José Antunes Mota)
Logística (Marcelo Maranhão)
Moda (Paulo Rabelo)
Ovinocaprinocultura (Daniel Pimentel)
Química (José Josafá Rebouças de Lima)
Reciclagem (Lamarka Lopes)
TIC (Raniere Paulino)
Turismo e Eventos (Anya Ribeiro)