PortugueseEnglishFrenchSpanish
PortugueseEnglishFrenchSpanish

Filhote de gato-do-mato-pequeno é resgatado pelo Corpo de Bombeiros em Tauá

3 de agosto de 2021 - 13:23 # # # # #

Ascom CMBCE - Texto e Fotos

Uma equipe do Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Ceará (CBMCE) resgatou, na manhã dessa segunda-feira (2), um gato-do-mato-pequeno, uma espécie vulnerável à extinção. O animal foi encontrado no quintal de uma residência, no bairro Alto Nelândia, na cidade de Tauá – Área Integrada de Segurança 22 (AIS 22) do Estado.

Homens da 3ª Companhia do 3º Batalhão de Bombeiro Militar (3ª Cia/3º BBM), do Quartel de Tauá, foram acionados via 193, por moradores que encontraram o gato selvagem no quintal da residência. No local, o gato-do-mato-pequeno foi encontrado e resgatado.

Por ser filhote, o gato-do-mato-pequeno será encaminhado para um zoológico para ser cuidado por especialistas. Os filhotes adquirem aprendizado de caça e sobrevivência com a mãe, e por isso, só podem ser soltos novamente na natureza caso venha a ter algum programa de reintrodução e monitoramento que comprove que será bem-sucedida sua soltura no habitat natural. Em síntese, na lista nacional de espécies ameaçadas de extinção, o gato-do-mato-pequeno foi considerado como vulnerável.

Prevenção

Os animais silvestres são protegidos pela Lei nº 9.605/1998, a Lei dos Crimes Ambientais. O Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Ceará (CBMCE) alerta para os cuidados que se deve ter ao encontrar um animal silvestre:
○ Mantenha sempre distância do animal;

○ Não tente capturá-lo para não ferir ou machucá-lo;

○ Acione uma equipe do Corpo de Bombeiros para fazer o resgate, ligando o número 193. A ligação é gratuita e o serviço funciona 24 horas por dia, inclusive aos fins de semana e feriados;

○ Condutores de veículos quando visualizarem animais em vias de tráfego, sempre reduza a velocidade ou pare o veículo. Assim, poderá evitar acidentes e não machucar o animal;

○ Poços, valas e cacimbas devem ser cercados, sinalizados e tampados para se evitar situações de acidentes. Os animais são curiosos e não tem noção do perigo.