PortugueseEnglishFrenchSpanish
PortugueseEnglishFrenchSpanish

Ações de segurança pública e empreendedorismo social são temas de seminário da SSPDS e Sebrae

20 de agosto de 2021 - 16:56 # # # # #

Ascom SSPDS

O secretário da Segurança Pública e Defesa Social do Ceará (SSPDS), Sandro Caron, participou na noite dessa quinta-feira (19), da 2ª edição do Seminário Segurança Participativa realizado pela Coordenadoria de Defesa Social (Codes) da pasta. O evento ocorreu na modalidade remota, tendo como foco o empreendedorismo e a participação social, sendo transmitido ao vivo pelo canal no YouTube da SSPDS.

O tema dessa edição “Empreendedorismo e Participação Social” contou com abertura do secretário da Segurança Pública e Defesa Social, Sandro Caron; com mediação do tenente-coronel Bernardo Aguiar, coordenador de Defesa Social da SSPDS; e a participação de Alci Porto, diretor técnico do Serviço Brasileiro de Apoio às Micros e Pequenas Empresas (Sebrae) no Ceará.

Durante o evento, o secretário da SSPDS destacou a iniciativa como uma importante discussão para fortalecer os pequenos negócios e o desenvolvimento econômico de regiões mais vulneráveis no Estado.

“A efetiva melhora da segurança pública a médio e longo prazos se faz com geração de renda, oportunidades de emprego, qualificação profissional, educação, saúde, saneamento básico e uma série de medidas que tragam maior dignidade às pessoas. Estamos retomando uma parceria com o Sebrae, que tem como foco estimular o empreendedorismo. Essa palestra é realizada em parceria com os conselhos militares, nos aproximando daqueles que doam aquilo de mais importante: seu tempo. Para uma causa maior, a vida das pessoas”, ressaltou Sandro Caron.

O workshop destacou ainda as iniciativas das Forças de Segurança voltadas à capacitação de comunidades para estimular o empreendedorismo social. Durante o seminário, o coordenador e tenente-coronel Bernardo Aguiar, da Coordenadoria de Defesa Social (Codes) da SSPDS, frisou que a cooperação representa uma ponte importante no desenvolvimento de iniciativas capazes de auxiliar na prevenção da violência em alguns territórios mais vulneráveis.

“Acreditamos que novas parcerias estimulam o bem, na busca de construir processos positivos. Buscando a cooperação técnica para a defesa social de comunidades vulneráveis, a SSPDS e o Sebrae estão juntos, buscando caminhos possíveis, somando esforços e compartilhando responsabilidades em prol da população”, disse o tenente-coronel Bernardo Aguiar.

Alci Porto, diretor técnico do Serviço Brasileiro de Apoio às Micros e Pequenas Empresas (Sebrae) no Ceará, promoveu uma discussão sobre o tema por meio da apresentação da palestra “O Poder Transformador do Empreendedorismo”.

“O empreendedor deve ser um inquieto em busca do seu sonho, buscando torná-lo realidade. E o cearense é muito empreendedor. A cada dez cearenses, cinco estão empreendendo. Tivemos mais de dez mil negócios empreendidos por microempreendedores individuais buscando uma alternativa de renda no seu bairro. Por isso, esses empreendedores precisam da nossa ajuda, para buscar alternativas e empreender da forma certa para aprender a caminhar sozinho. Tendo êxito naquilo que escolheram”, destacou Alci.

Lançamento

O evento na modalidade remota contou ainda com o lançamento de uma cartilha voltada aos Conselhos Comunitários de Defesa Social do Estado do Ceará (CCDS), o “Guia dos CCDS”, conteúdo disponível para acesso por meio de aplicativo de QR Code no Google Play ou APP Store. Acesse o conteúdo na íntegra. Clique aqui.

Sobre a cartilha

Os CCDS são entidades representativas estruturadas, no âmbito da SSPDS, com atuação em todo o Estado, que permitem aos cidadãos a participação ativa na construção de uma cultura de paz, apoiando a segurança pública e articulando estratégias comunitárias voltadas à prevenção da violência. Com apoio do Governo do Estado, os CCDS promovem o desenvolvimento de projetos voltados ao fortalecimento da segurança comunitária em todos os municípios cearenses, com ênfase na solução pacífica e consensual dos conflitos. O Sebrae reconhecendo a importância dessa política institucional, vem efetivando, há mais de dez anos, uma parceria com a pasta, na perspectiva de estimular e potencializar a cultura empreendedora, liderança e a inovação como valiosas ferramentas de apoio à promoção da defesa social e à difusão da cultura de paz.

O lançamento da cartilha acontece a partir da perspectiva de ampliar o olhar do cidadão sobre o futuro. A publicação serve como um instrumento de apoio aos conselheiros de Defesa Social, apresentando, de forma simples e didática, orientações e sugestões para o desenvolvimento de iniciativas empreendedoras. Com foco nos produtos e serviços desenvolvidos pelo Sebrae no Ceará. A iniciativa dessas orientações é gerar reflexos positivos no contexto da pacificação territorial no Estado.