PortugueseEnglishFrenchSpanish
PortugueseEnglishFrenchSpanish

Distritos de Inovação: Sesa recebe visita técnica de consultoria internacional

27 de agosto de 2021 - 11:32 # # #

Ascom Sesa

Consultoria La Salle Technova Barcelona é a idealizadora dos ‘Distritos de Inovação’, iniciativa para promover ambientes sustentáveis

A Secretaria da Saúde do Ceará (Sesa) recebe, nesta quinta (26) e sexta-feira (27), visita técnica da consultoria La Salle Technova Barcelona, idealizadora do conceito dos “Distritos de Inovação”, iniciativa internacional para a criação de ambientes sustentáveis com desenvolvimento urbano, social e econômico dos territórios. O diretor de internacionalização e inovação da La Salle, Josep Miquel Piqué, foi recebido pelo secretário da Saúde, Marcos Gadelha, e pela equipe técnica da Sesa responsável pela gestão da implantação desse modelo no Estado.

O bairro Porangabussu, em Fortaleza, e os municípios de Eusébio e Quixeramobim foram escolhidos para receberem os três distritos de inovação em Saúde no Ceará, no projeto Viva@Ceará, que envolve o poder público (Governo do Estado), iniciativa privada, universidades e a comunidade local. As intervenções planejadas para estes espaços estão no escopo do Projeto Ceará 2050. “Minha posição, como secretário da Saúde, é criar a ambiência entre os atores dessa iniciativa. Com um olhar sistêmico, firmo o compromisso de apresentar a ideia dentro e fora do Estado, para atrair parceiros estratégicos”, explica Gadelha.

“Essas palavras do secretário nos dão esperança. O Ceará é o único estado do mundo a fazer essa aposta na Saúde, numa iniciativa que vai beneficiar as pessoas não somente nesse âmbito, mas também no campo social e econômico. Estamos aqui nesses dois dias para concretizar os trâmites dos projetos dos Distritos de Inovação”, destaca Piqué.


Modelo de Distritos de Inovação propiciará mais eficácia, eficiência e efetividade para os Sistemas Público e Privado da Saúde do Ceará

Nas reuniões técnicas desta quinta-feira (26), participaram representantes da Sesa, La Salle, Secretaria do Desenvolvimento Econômico e Trabalho do Ceará (Sedet), Fundação Regional de Saúde (Funsaúde), Escola de Saúde Pública do Estado (ESP/CE) e Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) Ceará. Nesta sexta (27), o grupo de gestores do projeto Viva@Ceará, capitaneado pela coordenadora executiva, Lia Parente, se reúne com pesquisadores da Universidade Federal do Ceará (UFC).

Impactos e benefícios

O modelo de Distritos de Inovação que será implantado no Ceará tem foco na Saúde, impulsionando iniciativas em áreas como ciências da vida, tecnologias médicas, indústria da saúde (fármacos, biotecnologias, insumos hospitalares, equipamentos, Equipamentos de Proteção Individual, etc).

Além da melhoria de vida, inclusão produtiva, aumento de renda média para as comunidades que residem e/ou trabalham nestes três territórios e seu entorno, o projeto propiciará mais eficácia, eficiência e efetividade para o Sistemas Público e Privado da Saúde do Ceará, por meio da redução de custos operacionais via acesso a novas tecnologias, geração de inteligência em saúde, acesso a ambiente controlado para estudos de efetividade clínica, além de mais facilidade e garantia de acesso a insumos, serviços e tecnologias – a serem ofertados por empresas que irão se instalar nestes distritos.

A atração e instalação de indústrias no Ceará para suprimento das demandas locais e regionais é considerada ação imprescindível para a garantia da segurança da população, de pesquisadores e profissionais da Saúde, além de contribuir com a sustentabilidade financeira e operacional de instituições, serviços e empresas da cadeia.