PortugueseEnglishFrenchSpanish
PortugueseEnglishFrenchSpanish

Ceará recebe 231 mil doses para imunizar a população contra a Covid-19

13 de setembro de 2021 - 14:31 # # # # # # #

Larissa Falcão - Ascom Casa Civil - Texto
Tatiana Fortes - Fotos Yuri Leonardo - Infografia

Imunobiológicos da Pfizer serão utilizados para aplicação da primeira dose

Lote com 231.660 doses da Pfizer/BioNTech desembarcou, nesta segunda-feira (13), no Aeroporto Internacional de Fortaleza . Os imunobiológicos serão utilizados para aplicação da primeira dose na vacinação da população em geral.

O governador do Ceará, Camilo Santana, usou as redes sociais para ressaltar a importância dos imunizantes para a vacinação dos cearenses. “Esse lote da Pfizer, que será utilizado para D1, permitirá o avanço na imunização dos adolescentes entre 12 e 17 anos em todo estado. Só com a vacinação em massa conseguiremos superar de vez essa pandemia”.

A remessa, enviada pelo Programa Nacional de Imunização (PNI), do Ministério da Saúde, já está na Central de Armazenamento e Distribuição de Imunobiológicos (Ceadim), da Secretaria Estadual da Saúde (Sesa). A distribuição dos imunizantes, que agora totalizam 10.867.808 doses, será feita de forma proporcional aos municípios cearenses. Até o momento, o Ceará entregou aos 184 municípios o equivalente a 10.014.435 aplicações (CoronaVac, AstraZeneca, Pfizer e Janssen). O agendamento da vacinação é de responsabilidade de cada município.

Vacinômetro

O Vacinômetro da Sesa registra que, até as 17 horas desta segunda-feira (13), foram aplicadas 8, 61 milhões de doses. Com isso, quase 5,72 milhões de cearenses receberam a D1, enquanto 2,89 milhões concluíram o esquema vacinal, considerando D2 ou dose única da Janssen.

Quase 62% da população do Estado já recebeu pelo menos a primeira parte da imunização, e mais de 31% está com esquema vacinal concluído.

Vacine-se

De acordo com o titular da Sesa, Marcos Gadelha, os indicadores da Covid-19 no Ceará se mostram favoráveis para o processo de retomada gradual, progressiva e responsável das atividades econômicas e comportamentais. Entretanto, o secretário alerta para a circulação viral e o surgimento de novas variantes, como a delta, e reforça a importância da vacinação em massa.

“Eu queria pedir ao cidadão cearense que convoque seus familiares, vizinhos e todas as pessoas que conhece para se engajar nesse processo de vacinação e de convencimento das pessoas da necessidade de se vacinar. Quem não tomou a primeira dose, que tome a primeira dose. Quem tomou a primeira dose e ainda não tomou a segunda dose, que tome a segunda dose. Porque essa é a principal estratégia no combate à pandemia, além das outras medidas preventivas; uso de máscara, evitar aglomeração, higienização das mãos e do cuidado com aquelas pessoas que têm perfil de risco”, orienta Marcos Gadelha.

O cadastro para a vacinação deve ser realizado na plataforma Saúde Digital. Após o preenchimento do formulário, um e-mail é enviado para a confirmação do registro. A alternativa à confirmação online é telefonar para 0800 275 1475.

 

Ouça

Para o secretário da Saúde, Marcos Gadelha, o Ceará está com transmissão comunitária da variante Delta e a vacinação é a melhor prevenção contra a Covid-19.

O secretário Marcos Gadelha apela para que as pessoas não deixem de se vacinar para que o Ceará possa superar o mais rápido possível a pandemia.